terça-feira, 30 de outubro de 2012

0% EM PENALTIS

     Desde que começou o campeonato o FC Penafiel teve 4 grandes penalidades a seu favor e falhou as 4. Robson falhou o primeiro penalti frente ao Trofense no 25 de abril, penalti marcado devagar e rasteiro, o segundo penalti falhado foi em Freamunde, Romeu Torres ia com confiança bater a grande penalidade, mas o remate também saiu frouxo. Os últimos dois, Coronas e Leomar, o de Leomar para fora e o de Coronas talvez o melhor remate dos quatro, pois o guarda redes fez uma boa defesa. Não falando dos penaltis da taça de portugal que ditou a eliminação dos penafidelenses, curiosamente só um dos jogos não o ganhamos, o do Trofense, que no final do jogo se registou um empate a uma bola.    
   Mas será assim tão díficil marcar um penalti ? Muito fácil não deve ser, o que é preciso é concentração e colocação de remate. Miguel Leal diz que o especialista de penaltis se encontra no banco Sérgio Organista, mas será que no habitual onze não há um bom marcador de penaltis? O porquê de Diogo Viana não ter marcado ainda nenhum penalti ? É um jogador com técnica, marca livres, chuta forte, porque não marcar penaltis? Isto de marcar penaltis às vezes tem haver com a prestação em campo dos jogadores se estão com confiança ou não, pois Diogo Viana já tinha marcado um golo, notou-se que queria marcar o penalti, porque não o marcou? Atenção que isto é só uma opinião e não quer dizer que o ex portista ao marcar a grande penalidade  não falhasse, mas era a opção mais válida para tal. Miguel Leal tem que ter atenção nestas situações e tomar pulso forte e ver quem está mais habilitado para estes lances tomando uma decisão. Sinceramente as pessoas que marcaram as grandes penalidades frente ao Benfica, foram más opções. Leomar apesar de ter marcado em Aveiro viu-se que a técnica não é o seu forte e Coronas anda em baixo de forma. Espera-se que os treinos sirvam para alguma coisa e nas próximas grandes penalidades não haja falhanços.
   Atenção que o que foi aqui escrito não foi uma crítica aos jogadores que marcaram os penaltis, pois acontece a todos.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

MIGUEL LEAL LEIXONENSE DESDE PEQUENINO ?

   Em apenas 8 dias o técnico penafidelense falou da falta de apoio dos adeptos penafidelenses e deu o exemplo mais uma vez ontem na conferência de imprensa dos adeptos do Leixões. Será que Miguel Leal é um apaixonado do Leixões? Pois já é a segunda vez que vem falar nas conferências de imprensa dos adeptos da equipa de Matosinhos. O problema nestas declarações é que os adeptos penafidelenses são daqueles que mais apoiam a equipa tanto em casa como fora do 25 de abril. Será que o técnico penafidelense não viu apenas 100 espetadores no Naval - Penafiel ? Será que os jogadores navalistas sentiram-se apoiados? Apoiados ou não ganharam ao FC Penafiel num jogo em que os jogadores não foram motivados o suficiente. Será que Miguel Leal não vê os outros estádios vazios e não vê que há adeptos do FC Penafiel em todos os jogos fora de casa? Esperemos que o técnico pare com estas declarações, pois já se sabe que os adeptos penafidelenses não são os do Leixões nem Vitória de Guimarães.
   Mais uma vez perdeu uma oportunidade de estar calado, pois quando se perde é quando se necessita mais de apoio e não quando se ganha. De vez enquando este treinador tem umas "saídas" que são desnecessárias, primeiro foi o problema da rádio, por não saber ouvir uma crítica e agora que as coisas estão a correr bem, vem dar um exemplo de adeptos (Leixões) que não são exemplo para ninguém, pois aqueles adeptos não têm civismo nenhum onde  maltratam toda a gente.  Esperemos que a partir de agora o técnico penafidelense apenas se preocupe em treinar a equipa, pois até está a fazer um bom trabalho e é escusado andar com estas declarações infelizes, pois apoio à equipa não tem faltado. Está visto que Miguel Leal não é um Scolari em saber cativar os adeptos, por isso mais vale estar calado.

domingo, 28 de outubro de 2012

NO ÚLTIMO MINUTO SABE MELHOR

   O FC Penafiel conseguiu esta manhã uma grande vitória sobre o Benfica B por 2-1. A equipa rubro negra entrou muito forte no jogo com intenções claras de marcar cedo e ganhar o jogo. Foram 20 minutos em que o Penafiel podia ter marcado mas a habitual ineficácia da equipa deixou tudo a zero. O Benfica equilibrou a partida mas nunca foi capaz de importunar o guardião Coelho. Ao acabar a primeira parte Diogo Viana num centro remate conseguiu fazer o primeiro golo da partida desfeiteando Mika, que ficou mal na foto. O Penafiel foi para o intervalo a ganhar bem, pois foi a única equipa que verdadeiramente procurou o golo.
   Na segunda parte a equipa de Miguel Leal continuou a ser a melhor equipa, mas aos 60 minutos Miguel Rosa isolou-se e fez o golo do empate, num dos únicos remates do Benfica à baliza penafidelense.  Os jogadores ficaram um pouco desiludidos mas rapidamente voltaram ao ataque. Aos 70 min. Cosme Machado assinalou grande penalidade após mão de Luciano que levou o segundo amarelo. Coronas que entrou na segunda parte foi chamado a converter a grande penalidade permitiu a defesa de Mika. Diogo Viana ainda fez a recarga mas o guarda redes benfiquista mandou para canto. Após o canto o árbitro da partida marcou nova penalidade depois de outra mão na área do Benfica. Desta vez Leomar foi o marcador da grande penalidade e mais uma vez o Penafiel não conseguia adiantar-se no marcador. Foram dois minutos surreais o que se passou no 25 de abril. Mesmo assim o FC Penafiel não baixou os braços e com mais um em campo e o Benfica a passar tempo tentou chegar ao golo, golo que aconteceu já nos descontos. Robson fez um grande passe para Diogo Viana, Mika saiu da baliza e a bola sobrou para o nosso capitão e matador Ferreira que ainda fora da grande área fez o golo da vitória. Foi o delírio dos adeptos penafidelenses presentes no estádio.  Foi uma vitória justíssima para a equipa que mais fez para merecer os três pontos. O Penafiel está agora em 6.º lugar a um ponto do Arouca a dois da Oliveirense e cinco do Belenenses, próximo adversário do Penafiel na próxima quinta feira.
 
 Estamos no bom caminho. FORÇA PENAFIEL

ALEGRIA TOTAL

sábado, 27 de outubro de 2012

FC PENAFIEL - SL BENFICA B

   Depois de uma derrota na Figueira da Foz o FC Penafiel recebe amanhã o Benfica B atual 4.º classificado da segunda divisão. Miguel Leal não tem novidades na convocatória, ficando apenas  a faltar saber qual será o onze para o jogo, será que o técnico penafidelense irá fazer alterações depois de uma exibição menos conseguida? Amanhã saberemos. O árbitro da partida será Cosme Machado, juíz que costuma dar sorte à equipa rubro negra. O jogo terá honras de trasmissão televisiva na Sporttv às 11:15 da manhã. COMPARECE NO ESTÁDIO E APOIA O FC PENAFIEL

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

JOGOU-SE MUITO MAL

    Na luta pelos três pontos a equipa penafidelense mostrou-se uns furos abaixo do costume e perdeu por 1-0 com a Naval, equipa que apenas tinha ganho uma vez no campeonato. O jogo foi muito fraco de ambas as partes sendo as oportunidades de golo escassas para as duas equipas ao longo do jogo. O Penafiel até começou bem tentando criar perigo para a baliza adversária, mas o melhor que fez foi um remate ao ferro da baliza através de Aldair nos primeiros minutos. O jogo foi-se equilibrando, mas aos 43 minutos Joel que num erro crasso entrou de primeira e deixou-se antecipar pelo ex jogador penafidelense João Pedro, que sozinho centrou à vontade onde Marreco fez o primeiro e único golo da partida. Entretanto o jogo chegou ao intervalo sem que a equipa penafidelense pudesse fazer nada para inverter o resultado.
   Na segunda parte à espera de algo de novo , Miguel Leal apenas trocou Rafa que tinha já um cartão amarelo por Sérgio Organista. O futebol não mudou muito e apenas Aldair num remate fora da área importunou o guarda redes navalista. O técnico penafidelense  mostrou não arriscar nada e aos 63 minutos apenas trocou ponta de lança por ponta de lança, fazendo sair M'Bala e fazendo entrar Romeu Torres, nada mudou, pois o futebol penafidelense neste jogo foi pontapé para a frente ao contrário dos últimos jogos que era de futebol apoiado. A dez minutos do fim  Diogo Viana  que não fez nada durante o jogo deu o lugar a Coronas que claro entrou tarde no jogo e não deu para virar o resultado.
   O jogo terminou  com a derrota penafidelense por 1-0. Foi um resultado justo pois  a equipa penafidelense nunca fez nada para mudar o rumo dos acontecimentos, nunca criando jogadas de verdadeiro perigo para a equipa adversária. O momento do jogo foi o falhanço de Joel que deu o golo da Naval. Mais uma vez o técnico penafidelense mexeu tarde na equipa e isso valeu-lhe a derrota. Uma curiosidade aparte é que o Penafiel nos últimos 6 jogos na Figueira da Foz obteve 6 derrotas e jogando sempre abaixo do seu real valor.
   Agora o próximo jogo será frente ao Benfica B, um jogo difícil que mesmo assim poderá fazer esquecer este jogo na Figueira da Foz. Esperemos que assim o faça sem medo, querer ganhar e não esperar pelos últimos minutos para fazer alterações na equipa. O FC Penafiel está agora na 8.ª posição com os mesmo 17 pontos e um resultado que não a vitória no próximo jogo atirará a equipa para o meio da tabela. Frente ao último classificado a exibição foi a pior da época, o que será frente a uma das melhores equipas do campeonato? Esperemos que o técnico penafidelense e os próprios jogadores saibam levantar a moral da equipa, pois caso contrário o pior pode acontecer.
 
Jogo no Estádio Municipal José Bento Pessoa, na Figueira da Foz.
Naval-Penafiel, 1-0
Marcadores: 1-0, por Tozé Marreco, 43 minutos.

 
Equipas:
Naval 1.º de Maio: Guilherme, Carlitos, Diogo Silva, Tikito, Luís Tinoco, Filipe Melo, André Fontes, João Pedro, Regula (João Martins 85'), Roberto (Raul 72') e Tozé Marreco
Suplentes: Ricardo Neves, Raul, João Martins, Leo Bonfim, André Carvalhas, Bruno Di Paula e Vítor Alves
Treinador: Álvaro Magalhães

Penafiel: Coelho, Gabriel, Fábio Ervões, Leomar, Joel, Rafa (Sérgio Organista 46'), Ferreira, Robson, Aldair, MBala (Romeu 64') e Diogo Viana (Coronas, 81')
Suplentes: Nuno Santos, Pedrinha, Elísio, Coronas, Romeu, Pedro Santos e Sérgio Organista
Treinador: Miguel Leal

Árbitro: Marco Ferreira (Madeira)
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Rafa (43') e Robson (71')


Assistência: 100 espectadores

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

LUTA POR TRÊS PONTOS

   Hoje o FC Penafiel joga com a Naval na Figueira da Foz em jogo a contar para a 10.ª jornada da segunda liga. A Naval encontra-se em último lugar do campeonato com apenas 5 pontos graças a uma vitória e dois empates, a vitória surgiu  frente ao Benfica sendo a única derrota que a equipa lisboeta obteve. Por isso o último lugar não quer dizer nada nesta divisão e todo o cuidado é pouco. Miguel Leal já pode contar com o extremo Diogo Viana, sendo uma das opções prováveis do onze inicial. Em relação à convocatória para este jogo só uma mexida, exatamente a entrada de Diogo Viana para o lugar de Vitor, que acabou o jogo em Aveiro em grande dificuldade física e talvez por isso a sua saída da convocatória.
   O técnico penafidelense tem praticamente todas as armas para ir buscar um bom resultado à Figueira da Foz, e claro um bom resultado é sem dúvida uma vitória. A luta dos 3 pontos será grande, pois a Naval quer sair da posição que está e o Penafiel quer-se manter nas posições da frente. Esperemos que a equipa rubro negra afunde a Naval continuando assim um início de época acima da média. O jogo será às 16:30 e a rádio clube de penafiel fará a sua cobertura como é habitual. A lista de convocados é a seguinte: Nuno Santos, Coelho, Joel, Gabriel, Pedro Santos, Leomar, Fábio Ervões, Rafa, Ferreira, Pedrinha, Sérgio Organista, Robson,  Elísio, Aldair, Coronas, Diogo Viana, M'Bala e Romeu Torres.  FORÇA PENAFIEL

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

MIGUEL LEAL PEDE APOIO DOS ADEPTOS

   No final do jogo o técnico penafidelense disse que sente a falta de apoio dos adeptos penafidelenses. Por um lado é verdade, os simpatizantes do clube já não acompanham a equipa por todo lado como o faziam à duas decadas atrás, mas os tempos são outros, não há tanto dinheiro, há mais coisas para fazer do que ir ao futebol, e o próprio futebol já não é o que era, agora  é um jogo de interesses que faz afastar os adeptos dos estádios. No sábado em Aveiro estiveram sensivelmente cerca de 50 penafidelenses nas bancadas, o que é o número normal de adeptos apoiar o FC Penafiel fora de casa. Dentro desses 50 adeptos, mais de metade pertenciam aos Penaboys, que apoiam sempre a equipa em todos os estádios. Os restantes penafidelenses que se encontravam no estádio eram familiares de jogadores e mais alguns que realmente gostam do clube e que gostam de acompanhar a equipa.

   O problema é que os adeptos penafidelenses nunca se juntam num sector, ficam dispersos na bancada, dando a sensação que não estão unidos em prol do mesmo, que é ver e apoiar o clube. Miguel Leal deu o exemplo dos adeptos do Leixões em Braga, que no final do jogo parece que tinham ganho o jogo. Realmente os adeptos do Leixões são grandes apaixonados pelo clube, e nas bancadas mostram que estão unidos, coisa que em Penafiel não acontece.
    Esperemos que Miguel Leal não tenha falado que sente a falta de apoio dos adeptos que normalmente apoiam o clube em todos os jogos, pois a esses não lhes podem apontar o dedo. No final do jogo todos os jogadores levaram uma salva de palmas e não houve um assobio. É normal que durante o jogo se um jogador tiver a jogar mal peçam para o tirar, mas nunca são assobiados.
 
    O técnico penafidelense pede o apoio dos adeptos , mas nunca se lembrou de dizer publicamente, obrigado ou ter uma palavra simpática aos adeptos que acompanham sempre os jogos. Se falta apoio nas bancadas não é de certeza culpa dos Penaboys ou dos restantes adeptos que acompanham a equipa, mas sim dos que não vão aos estádios. Por isso faz-se um apelo aos penafidelenses que normalmente vão ver o futebol fora do 25 de abril, que se juntem na bancada e sejam unidos. Para aqueles que gostam do clube, comecem a ir ver o futebol fora de casa. Normalmente quando há jogos longe de Penafiel há sempre um autocarro disponível para levar adeptos, porque não o utilizam!? VAMO-NOS UNIR E APOIAR O CLUBE.

domingo, 21 de outubro de 2012

AZAR NA LOTARIA DOS PENALTIS

   O FC Penafiel ficou de fora da próxima eliminatória da taça de portugal. O jogo foi a prolongamento, pois nos 90 minutos as equipas foram incapazes de marcar golos, nos 30 minutos de prolongamento o nulo continuou e a lotaria das grandes penalidades levou o Beira-Mar à próxima eliminatória. Fábio Ervões e Rafa falharam as sua grandes penalidades e deixaram mais uma vez o FC Penafiel longe do Jamor. No que diz respeito ao jogo, o Beira-Mar foi quase sempre inferior à equipa liderada por Miguel Leal. Poucas ocasiões de golo houveram, mas a equipa penafidelense dominou a maior parte do jogo. Romeu Torres foi uma referência na frente, ganhando bolas de cabeça e fixando os centrais, pena foi que Coronas e Elísio não estiveram à altura do jogo. Miguel Leal demorou a perceber isso e numa altura que se percebeu que o Penafiel podia ganhar o jogo o técnico não  fez as substituições devidas, Coronas por exemplo aos 60 minutos pouco corria às bolas  e tendo no banco jogadores capazes de dar um abanão no jogo esperou quase pelo fim do jogo para refrescar a equipa. No prolongamento sem Romeu Torres na frente o Penafiel pouco importunou Rui Rêgo e foi o Beira-Mar que criou mais pergigo mas somente de bola parada.  O meio campo penafidelense sem Robson e sem Ferreira portou-se bem, com Pedrinha e Sérgio Organista nos seus lugares, a defesa afastou sempre o perigo da baliza de Nuno Santos e esteve bem. Foi pena e injusta a saída dos rubro negros da taça de portugal, mas nem sempre a melhor equipa ganha. Para o ano há mais taça para o FC Penafiel. Diga-se de passagem que o Beira-Mar é uma equipa fraca e um clube fraco, não tem futebol para jogar na primeira liga, nem uma massa associativa forte para apoiar o clube. No jogo não estiveram mais de 200 adeptos e 50 eram do FC Penafiel. É pena haver clubes assim em Portugal ainda por cima na 1.ª divisão, mas é o futebol que temos.
 
Estádio Municipal de Aveiro.
Nos 120 min. - 0-0
Resultado: 4-2 nas grandes penalidades
 
  O Penafiel alinhou com Nuno Santos, Gabriel, Vitor, Leomar, Fábio Ervões, Rafa, Sérgio Organista, Pedrinha (Ferreira 109'), Elísio, Coronas ( Aldair 85') e Romeu Torres (M'Bala 89').
 
   Beira-Mar: Rui Rêgo, Sasso, Hugo, Fleurival (Balboa 45'), Ruben (Serginho 64'), Jaime, Nildo, Pedro Moreira, Cédric (Helder Lopes 74'), Joaozinho e Abel Camará.
 
Árbitro: Olegário Benquerença.
 

Assistência: 200 espetadores

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

TUDO PODE ACONTECER


Amanhã o FC Penafiel defronta o Beira-Mar em jogo a contar para a terceira eliminatória da taça de portugal. As duas equipas nunca se defrontaram nesta competição, mas tanto no campeonato como na taça da liga a equipa penafidelense costuma fazer bons resultados em Aveiro. Miguel Leal para este jogo não vai poder contar com Diogo Viana, o extremo será a principal baixa para o jogo de amanhã. No entanto para o seu lugar, há vários jogadores com bastante qualidade casos de Aldair, que está motivado pelo jogo que fez na seleção e Coronas e Elísio que querem jogar mais regularmente e querem mostrar serviço. A equipa não estará sozinha nesta ida a Aveiro, os Penaboys estarão presentes no estádio onde apoiarão a equipa para que esta consiga a passagem à 4.ª eliminatória. A equipa rubro negra nunca conseguiu ir a uma final da taça de portugal, o máximo que fez, foi ir a uma meia final, eliminatória que predeu frente ao Benfica. Era bonito conseguir esse feito, já se sabe que não é fácil, mas o sonho comanda a vida...
  
 Miguel Leal convocou os seguintes jogadores para esta partida: Coelho, Nuno Santos, Gabriel, Joel, Vitor Bruno, Pedro Santos, Fábio Ervões, Leomar, Ferreira, Rafa, Pedrinha, Robson, Sérgio Organista, Aldair, Coronas, Elísio, M'Bala e Romeu Torres.

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

ALDAIR NA SELEÇÃO

  Depois de um fim de semana sem jogos devido aos compromissos das seleções, o Penafiel já prepara o jogo do próximo sábado frente ao Beira Mar a contar para a taça de portugal. No último sábado um jogo treino com o SC Braga em que o resultado foi de 6-0 para a equipa minhota, poderá deixar de aviso a nossa equipa que vai enfrentar um clube da 1.ª divisão. Michel e Manoel foram as estrelas do jogo marcando 3 e 2 golos respetivamente, o outro golo foi marcado por Hélder Barbosa. Hoje haverá outro jogo em que um jogador penafidelense poderá entrar em campo, Aldair foi chamado por Rui Jorge para o particular (sub-21) com a Ucránia em Moreira de Cónegos. Aldair que desde a semana passada que está concentrado na seleção encontrou colegas que no ano passado jogaram em Penafiel, casos de Sérgio Oliveira e Paulo Oliveira. Esperemos que o nosso extremo faça uma boa exibição e começe a ser chamado assiduamente pelo técnico português. O jogo terá transmissão televisiva no canal 1 a partir das 18:00. FORÇA ALDAIR

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

CLASSIFICAÇÃO


TRÊS PONTOS MERECIDOS

   O FC Penafiel conquistou mais uma vitória no campeonato, desta vez por 2-0 ao Braga B. Os golos foram marcados pelos médios Ferreira e Robson . O capitão Ferreira marcou o seu quarto golo no campeonato e é o melhor marcador da equipa à frente de Robson e Aldair, ambos com dois golos, Rafa e Romeu Torres completam a lista de marcadores da equipa. A equipa de Miguel Leal entrou uma vez mais forte em campo frente a um Braga que vivia muito de jogadas individuais de Manoel  e de passes longos que nunca deram perigo para a baliza de Coelho. Perto da meia hora de jogo Coronas rematou do meio da rua mas a bola embateu na barra. Foi um aviso para o que veio acontecer a seguir. Num cruzamento da esquerda Ferreira antecipou-se a um defesa bracarense e fez o primeiro do jogo. Ainda antes do intervalo o Braga ficou reduzido a 10 homens., Leandro levou vermelho direto e facilitou a tarefa aos penafidelenses.
   Na segunda parte o FC Penafiel tentou o segundo golo, mas o Braga ofereceu alguma resistência. Aos 69 minutos outro jogador do Braga é expulso e os durienses ficam com mais dois homens em campo. O golo que descansou os penafidelenses não tardou e aos 77 minutos Robson em sucessivos remates conseguiu pôr a bola no  fundo das redes. Eram dois golos de diferença e dois homens a mais em campo e só uma catástrofe conseguiria roubar os três pontos ao FC Penafiel, o técnico penafidelense ainda fez entrar Elísio e Sérgio Organista, mas o resultado mantêve-se até ao final. Tem-se que dar os parabéns à equipa técnica e jogadores por mais uma vitória e por este arranque fantástico que a equipa está a conseguir.
    Poucos acreditavam que poderia acontecer, depois das primeiras três jornadas e da eliminação da taça da liga. Será difícil manter esta performance de resultados até ao final da época, mas para já é o que está acontecer e só resta dar os parabéns a todos esperando que haja mensagens de apoio nesta boa fase da nossa equipa. O Penafiel tem ganho e tem jogado melhor que os seus adversários. Para aqueles que gostam de escrever aqui no blog, esta é uma boa altura...
 
Jogo no Estádio Municipal 25 de Abril, em Penafiel
Penafiel 2-0 Braga B
Golos: Ferreira (32') e Robson (77')

Penafiel: Coelho, Gabriel, Fábio Ervões (Pedro Santos, 45), Leomar, Joel, Rafa, Ferreira (Sérgio Organista, 80), Robson, Coronas (Elísio, 79), Mbala, Diogo Viana. (Suplentes: Nuno Santos, Pedrinha, Elísio, Romeu Torres, Pedro Santos, Sérgio Organista, Vítor Bruno).
Treinador: Miguel Leal.

Sporting de Braga B: Cristiano, Tomás (Piqueti, 40), Palmeira, Aníbal, Afonso (Yazalde, 65), Mauro, Nuno Valente, Guilherme, Leandro Albano, Manoel, Diogo Ribeiro (Tiago Ribeiro, 44). (Suplentes: Bruno Martins, Tiago Ribeiro, Piqueti, Xavier, Bergson, Zé Manuel e Yazalde).
Treinador: Artur Jorge.

Árbitro: Artur Soares Dias (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Nuno Valente (17), Manoel (34), Mauro (40), Ferreira (45) e Robson (52). Cartão vermelho direto para Leandro Albano (42) e Guilherme (70).

sábado, 6 de outubro de 2012

VENCER, VENCER, VENCER

  Amanhã o Penafiel defronta o Braga B, equipa que se encontra na 19.ª posição com a penas 5 pontos. Na convocatória não há grandes surpresas. Aldair é a única baixa, pois levou cartão vermelho no último encontro. O Belenenses perdeu hoje a liderança com a derrota na Vila das Aves por 2-1. O Sporting B venceu o Porto B por 2-0 e encontra-se na 1.ª posição da tabela. A equipa de Miguel Leal encontra-se num bom momento de forma e já não perde desde a 3.ª jornada. Vencer amanhã é o objetivo, pois se o Oliveirense e Arouca não ganharem e o Penafiel conquistar os três pontos, a equipa rubro negra entra nos lugares de subida. É muito cedo para fazer estas contas mas o importante é andar nos lugares da frente do campeonato. Por isso amanhã espera-se um boa assistência no 25 de abril para dar apoio à nossa equipa. O árbitro da partida é o Artur Soares Dias, árbitro difícil, pois nas últimas 11 partidas que dirigiu o FC Penafiel a equipa penafidelense apenas ganhou uma. Pode ser coincidência mas vencer apenas uma partida em onze com um árbitro é no mínimo muito estranho, por isso é preciso ter cuidado  também com a equipa de arbitragem. FORÇA PENAFIEL

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

PENABOYS NO JORGE SAMPAIO



No passado domingo os Penaboys foram mais uma vez apoiar a equipa, mas desta vez o material ficou à entrada. Os seguranças não deixaram entrar nem bandeiras do clube, dizendo que era a lei. Os Penaboys sem querer conflitos nem protestaram, porque nestas situações nem vale apena a maçada. Contudo os Penaboys e mais alguns adeptos que se deslocaram a Pedroso tiveram com a equipa apoiando do início ao fim os nossos jogadores. As bandeiras rubro negras como não puderam entrar, dois valentes penaboys ficaram no monte onde se via o futebol com as bandeiras empunhadas para os jogadores as verem. Isto é de verdadeiros adeptos  que gostam realmente do clube. Parabéns a todos os adeptos que foram apoiar o FC Penafiel.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

MAIS UM PONTO CONQUISTADO

   Rui Gomes que foi buscar 6 jogadores à equipa principal do FC Porto, não conseguiu melhor que um empate frente a um Penafiel organizado, mostrando sem dúvidas que vai dar muitas alegrias aos seus adeptos esta época. O FC Porto tentou chegar ao golo cedo, mas só em rasgos individuais tentou criar perigo. Quem chegou primeiro ao golo foi o Penafiel através de M'Bala após um centro de Diogo Viana. O avançado penafidelense estava ligeiramente  adiantado e no estádio nem se percebeu que estava fora de jogo, isto porque nem os jogadores portistas reclamaram a irregularidade. Em caso de dúvida a jogada beneficia a equipa que ataca, foi o que aconteceu. Depois do golo o Porto com os "craques" da equipa A tentou chegar ao golo, mas só de bola parada chegou a baliza. A defesa penafidelense afastou sempre a bola, e os remates portistas chegavam em forma de passe a Coelho. 
   
   Mais perto do golo teve sempre o Penafiel e quase acabar a primeira parte, Ferreira teve quase a fazer o segundo mas o guardião portista fez uma bela defesa. Na segunda parte o árbitro foi protagonista em alguns lances e tentou encostar a equipa penafidelense  à sua defesa, com marcação de faltas em que os critérios eram completamente diferentes. Com jogadores muito altos os livres e cantos eram um perigo, mas Fábio e Leomar tiveram irrepreenssiveis na grande área. Aos 69 minutos acontece o caso do jogo, Aldair leva o segundo amarelo depois de uma disputa de bola ter caído para o chão, isto ainda muito longe da área. Manuel Oliveira parece que estava à espera do momento certo, e neste lance não hesitou. O FC Porto já em superioridade numérica fez o empate através de Sérgio Oliveira num potente remate a mais de 30 metros de distância. Antes do golo M'Bala podia ter feito o 0-2 pois apareceu na cara de Fabiano, mas rematou ao lado da baliza. A equipa de Miguel Leal conseguiu aguentar o resultado até ao fim trazendo mais um bom resultado para Penafiel. Já vão 5 jogos sem perder. Neste jogo o Penafiel podia ter os três pontos na bagagem, as melhores oportunidades de golo foram do FC Penafiel, mas a falta de eficácia e algumas decisões da equipa de arbitragem ditaram  o empate final. Os rubro negros desceram um lugar na tabela classificativa mas continuam a três pontos dos lugares de subida.
 
Jogo no Estádio Municipal Jorge Sampaio, em Vila Nova de Gaia
FC Porto B - Penafiel, 1-1.
Ao intervalo: 0-1.
Marcadores: 0-1, Mbala, 12 minutos. 1-1, Sérgio Oliveira, 76
 
Equipas:
FC Porto B: Fabiano, David, Abdoulaye, Mangala, Quiño, Mikel (Sérgio Oliveira, 35), Pedro Moreira, Tozé (Fábio Martins, 82), Kelvin, Iturbe e Dellatorre (Vion, 64).(Suplentes: Elói, Tiago Ferreira, Edu, Fábio Martins, Vion, Sérgio Oliveira e Fréderic).Treinador: Rui Gomes.

Penafiel: Coelho, Gabriel, Fábio Ervões, Leomar, Joel, Rafa, Ferreira (Sérgio Organista, 85), Robson (Pedro Santos, 86), Aldair, Diogo Viana (Coronas, 74) e Mbala.(Suplentes: Nuno Santos, Pedrinha, Elísio, Coronas, Romeu Torres, Pedro Santos e Sérgio Organista).Treinador: Miguel Leal.

Árbitro: Manuel Oliveira
Ação disciplinar: cartão amarelo para Joel (33), Rafa (35), Pedro Moreira (39), Abdoulaye (45), Aldair (59 e 69), Tozé (67), Fábio Ervões (72) e Sérgio Oliveira (83). Cartão vermelho, por acumulação de amarelos, para Aldair (69).

Assistência: 707 espectadores.