segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

MAIS UM PONTO AMEALHADO

Ontem o FC Penafiel amealhou um ponto graças ao 0-0 num campo dificílimo como é o do Restelo. 
  A primeira parte o Penafiel teve melhor em campo ocupando bem os espaços e dominando o meio campo com André Fontes em destaque. Logo nos primeiros minutos Ferreira e Rabiola tiveram boas hipóteses de marcar mas os remates não tiveram a melhor direção.  
  Na segunda parte a equipa de Lito Vidigal esteve melhor e tentou ganhar o jogo, o Penafiel praticamente só em contra ataque tentou o golo e ainda teve oportunidades mas não as soube aproveitar. O árbitro foi condicionando o jogo mostrando nem mais nem menos 8 cartões a jogadores penafidelenses. Qualquer falta era razão para amarelo para os jogadores penafidelenses, não mostrando igualdade de critérios nos lances do Belenenses. Os reforços Tiago Valente e Ezequiel já jogaram pelo FC Penafiel neste jogo e não tiveram uma boa estreia. Tiago Valente foi expulso aos 88 minutos e Ezequiel entrou aos 70' mas aos 86' saiu lesionado. Deu para ver que é rápido e tem boa técnica como por exemplo Aldair e M'Bala mas não mais que isso. Tiago Valente mostrou que foi um bom reforço, sabe o que faz, é um jogador experiente que certamente nos vai ajudar bastante.
  Nos últimos minutos o Belenenses rondou mais a baliza de Coelho mas só de bola parada criava algum perigo, à excepção de um remate potente de Miguel Rosa que saiu na direção de Coelho.
  A falta de qualidade e criatividade no último terço de terreno do Penafiel ditou que a equipa só levasse um ponto para Penafiel. Uma melhor eficácia com certeza os três pontos eram garantidos, mas falta muito trabalho na frente de ataque.
  A Académica perdeu e encontra-se com os mesmos pontos do FC Penafiel. O seguinte jogo é com o Guimarães e uma vitória pede-se aos jogadores penafidelenses.

O Penafiel alinhou com Coelho, Dani, Pedro Ribeiro, Tiago Valente, Vitor Bruno, Rafa, Ferreira (Ezequiel 69'), João Martins (Romeu Ribeiro 77'), André Fontes, Quinones e Rabiola.
 Suplentes não utilizados: Tiago, Paulo Grilo, Bruninho e M'Bala. Ezequiel dsaiu lesionado aos 86 dando lugar a Guedes.

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

PENAFIEL RESCINDE COM HENRIQUE POR MÚTUO ACORDO

  O central Henrique já não é jogador do FC Penafiel rescindindo por mútuo acordo. O central apenas fez um jogo com a camisola penafidelense, sendo o jogo frente ao Porto na última partida do campeonato. Muitas lesões afetaram o jogador durante  a primeira volta sendo apenas convocado por três vezes. O Penafiel precisa de centrais em bom estado e por isso Tiago Valente foi contratado. Acabou assim a ligação entre Henrique e o FC Penafiel.

domingo, 18 de janeiro de 2015

PENAFIEL PERDE COM TRÊS GOLOS IRREGULARES

Já não há palavras para descrever as arbitragens nos jogos do FC Penafiel. Com o Gil Vicente foi o que foi e com o FC Porto apesar de duvidosos os lances, foi sempre contra a equipa rubro negra. Resumindo, dois golos em fora de jogo e um em que a bola já tinha ultrapassado a linha de fundo a quando do passe para Oliver. O único golo legal foi o de Rabiola.
  A direção penafidelense manifestou-se no final do jogo de Barcelos mas ontem não houve uma palavra nem de treinador nem da direção. Será por ser o Porto ??? É por isto que o futebol português não vai a lado nenhum onde os pequeninos continuarão pequeninos. Os estádios estão vazios também por causa destas arbitragens que só favorecem os grandes e ninguém faz nada contra isso, nem a equipa prejudicada diz algo.. É verdade, as pessoas têm razão em cada vez ir menos aos estádios.
  Quanto ao jogo, o Porto foi sempre superior, mas a equipa de Rui Quinta soube ir à baliza de Fabiano quando pôde. 
  O Porto marcou os dois primeiros golos aos 30 e 34 minutos sendo eles em fora de jogo. Na segunda parte a equipa rubro negra entrou em campo com vontade de inverter a situação. Num livre marcado por João Martins e alguma confusão na área Rabiola conseguiu rematar a passe de Rafa.
  O Porto estava na sua retaguarda com o Penafiel atacar e o 2-2 estava mais perto que o 3-1. Mas mais um golo irregular aconteceu acabando com as esperanças penafidelenses.
  Até ao final do jogo não houve mais grandes oportunidades de golo a não ser uma de Tello que rematou à figura de Tiago.
 No final registou-se o 1-3 para a equipa forasteira.  Não há nada apontar aos nossos jogadores pois lutaram durante os 90 minutos. Infelizmente mais uma má arbitragem não deixou o Penafiel fazer pontos e assim torna-se difícil permanecer na primeira liga.

O Penafiel alinhou com Tiago, Dani, Bura (Henrique 55'), Pedro Ribeiro, Vitor Bruno, Ferreira, Rafa, João Martins (Aldair 66'), Grilo (Grilo 73'), André Fontes e Rabiola.
 Suplentes não utilizados: Tiago Valente, Nelson Lenho, Romeu Ribeiro e Bruninho.


terça-feira, 13 de janeiro de 2015

PARABÉNS ROMEU E VITOR

 
Hoje os nossos jogadores Vitor Bruno e Romeu Ribeiro estão de parabéns, o defesa/extremo esquerdo completa hoje 25 anos e é a 4.ª época que está a representar o FC Penafiel, na época passada jogou a extremo, mas este ano Rui Quinta colocou-o na defesa.
  Romeu Ribeiro chegou na época passada ajudou a nossa equipa a subir de divisão e continuou em Penafiel durante este ano. Recentemente tem sido mais utilizado no onze inicial devido à descida de Ferreira para a posição de central.
  São dois jogadores com raça que dão tudo pelo clube em campo. PARABÉNS aos dois pelos seus aniversários.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

ÁRBITRO MEDÍOCRE RESOLVE JOGO

Ontem o FC Penafiel perdeu com o último classificado o Gil Vicente por 2-1 com o golo penafidelense a ser marcado por Rabiola.
  Foi um jogo mau em todos os aspetos, pelo árbitro e pela qualidade de jogo. A equipa penafidelense nunca se encontrou em campo, nunca teve posse de bola raras excepções. O pontapé para a frente " à Rio Tinto" foi o preferido pelos nossos jogadores.  O Gil Vicente esteve quase sempre por cima dos acontecimentos mesmo a jogar com menos uma unidade. Aos 29 minutos Jander foi expulso e deixou o FC Penafiel em superioridade numérica. Essa superioridade não se notou, e quando devíamos ter pegado no jogo, aconteceu o oposto sendo o Gil Vicente atacar a baliza de Coelho. Aos 40 minutos o árbitro Bruno Esteves começou a estragar o jogo expulsando M'Bala por um lance casual. Em cima do intervalo Rabiola e fez o golo penafidelense em lance de contra ataque estando as equipas a jogar com 10 elementos. Na segunda parte o árbitro da partida expulsou Coelho com vermelho direto numa jogada em que o guarda redes penafidelense não tem qualquer culpa no lance. Tiago entrou em campo mas não impediu que João Vilela fizesse o empate de grande penalidade. 
  Com menos uma unidade o Penafiel sentiu grande dificuldades e a equipa de José Mota encostou os jogadores penafidelenses na defesa. Aos 76 minutos Simy com o seu 1.95m apoiou-se em Bura e bateu Tiago. Depois de estar a perder Rui Quinta subiu a equipa mas só depois dos 86 minutos é que criou algum perigo depois de Bruno Esteves expulsar Ruben Ribeiro.
  Foi um jogo para esquecer, nunca tivemos posse de bola, mesmo a jogar com mais uma unidade dando sempre a iniciativa de jogo ao adversário e juntando uma péssima arbitragem a este jogo só podia dar derrota.
 Era uma excelente oportunidade de deixar o Gil Vicente cada vez mais isolado no último lugar mas mesmo com o Penafiel a jogar mal, quem foi a figura do jogo foi sem dúvida o árbitro da partida. Agora há uma série de jogos complicados que teremos de enfrentar e as aquisições de janeiro ainda não chegaram. Quase todos os clubes já se reforçaram menos o Penafiel, assim será difícil fazer pontos nesta liga.

O Penafiel alinhou com Coelho, Dani, Bura, Pedro Ribeiro, Vitor, Ferreira, Rafa (Aldair 81'), André Fontes, João Martins (Tiago 53'), M'Bala e Rabiola (Guedes 68'). 
Suplentes não utilizados: Romeu Ribeiro, Henrique e Nelson Lenho.
  

sábado, 10 de janeiro de 2015

GIL VICENTE - PENAFIEL

   Rui Quinta já divulgou a lista de convocados e a má notícia será que Quinones ainda se encontra lesionado e não poderá dar o contributo à equipa, Rui Miguel e João Pedro estão igualmente lesionados. Tony irá cumprir castigo pelo vermelho que levou com o Benfica, Haghighi ao serviço da seleção do Irão também não irá defrontar o Gil Vicente.
  A boa notícia é que André Fontes e Pedro Ribeiro voltam aos convocados, fazendo que o técnico penafidelense tenha mais soluções no meio campo, casos de Ferreira e André Fontes. A defesa com certeza já não irá contar com o capitão e Bura e Pedro Ribeiro deverão ser os titulares.
  O Gil Vicente ainda não venceu para o campeonato contando apenas com 6 empates. A equipa rubro negra tem conseguido bons resultados com os últimos classificados perdendo apenas com o Boavista. Vitórias sobre Nacional, Setúbal e Arouca e um empate com a Académica. Veremos com o Gil Vicente o que acontecerá. Era importante não perder pois mantínhamos a distância de 5 pontos para os gilistas. Em caso de vitória penafidelense o Gil Vicente ficaria cada vez mais último e com tarefa muito difícil para sair da linha de água.
O transporte gratuito para Barcelos não sortiu grande efeito nos penafidelenses, pois apenas se conseguiu angariar pessoas para um autocarro sendo 90% da pessoas associados da Penaboys, pessoas estas que já costumam ir ver os jogos fora.
  Está visto que não vale a pena ter estas ações para levar os penafidelenses apoiar a equipa pois os penafidelenses não aderem exceptuando algumas pessoas que reservaram o lugar.

A lista de convocados é a seguinte: Coelho, Tiago, Dani, Pedro Ribeiro, Bura, Nelson Lenho, Paulo Grilo, Vitor Bruno, Ferreira, Rafa, Romeu Ribeiro, André Fontes, João Martins, Bruninho,
Aldair, M'Bala, Guedes e Rabiola

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

E POR ISSO NÃO HÁ MAIS GRANDES EM PORTUGAL...

  O que se passou no passado domingo e que já se tinha passado  contra o Sporting e de certeza irá passar-se com o Porto foi uma autêntica vergonha, os habitantes de Penafiel apoiar a equipa de fora. Viram-se muitas e muitas pessoas de Penafiel a exibir as camisolas e cachecóis da equipa adversária. Sinceramente não posso concordar com isso e é por causa destas pessoas que apenas existem três grandes em Portugal. 
  Neste jogo presenciou-se o que pensei impensável. Pessoas da terra a fazer "piretes" para os adeptos penafidelenses quando o Benfica marcou o seu primeiro golo, uma autentica vergonha, de pessoas que não têm dois dedos de testa.
  Na bancada central apenas se via claramente um sector penafidelense onde costumam ficar os Penaboys, havia alguns penafidelenses espalhados pela bancada trajados à Penafiel mas os do Benfica eram tantos que os adeptos rubro negros nem se notavam. O incrível é que muitos adeptos do Benfica eram de Penafiel, da nossa terra, nascidos na nossa localidade. Mas onde está o bairrismo, a garra rubro negra das nossas gentes??? Por muita pena minha isso acabou e raras são as excepções.
  Onde estão os adeptos que foram ao aeroporto quando o Penafiel subiu de divisão? Onde estão os adeptos que encheram as bancadas nos últimos dois jogos do campeonato da época passada? Onde estão os adeptos que estiveram nas ruas a fazer a festa quando o Penafiel subiu de divisão?
  Eu respondo, muitos continuam a ir ao estádio, os mesmos de sempre, que sempre apoiaram a equipa, outros ficam em casa a fazer comentários no facebook criticando tudo e todos e sendo alguns com perfis sem foto para não serem identificados e outros andam agora trajados à Sporting, Benfica e Porto e vão para o 25 de abril apoiar a equipa adversária do Penafiel. É verdade...
  O nosso clube não precisa destas pessoas, destes adeptos. É preferível termos 800 penafidelenses a sério do que 3000 falsos. 
  As vezes vão comentar e criticar para o facebook que o Penafiel é a equipa com menos assistência no campeonato, sendo essas pessoas as que não aparecem no estádio. Enfim, infelizmente é o que temos e é por isso que seremos sempre uma cidade pequenina e um Portugal de corruptos, falsos que não têm uma só palavra. Infelizmente é a sociedade que temos, de pessoas fracas, sem honestidade.
  Contra o Benfica tenho a certeza que os sócios penafidelenses não se sentiram em casa, também pela falta de organização, pois bastava dois ou três assistentes a encaminhar os adeptos de cada equipa para cada lado e os penafidelenses ao menos juntavam-se e estavam mais unidos no apoio à equipa, mas isso não foi pensado. A receita foi boa mas o dinheiro não é tudo e há que salvaguardar os nossos sócios que em todos os jogos estão no 25 de abril para ver a nossa equipa jogar. Acho que eles merecem ser respeitados, pois o Penafiel são eles.
  Já sei que vou ser criticado pelo que escrevi, mas já estou habituado a ser mal tratado quando defendo a minha terra, o meu clube. Não faz mal, acho que vale a pena defender os associados do clube e a instituição. Já alguns anos que luto para arranjar mais sócios, mais simpatizantes, mais penaboys, isto tudo para não deixar morrer o futebol em Penafiel. E hei-de continuar. FORÇA PENAFIEL
 
 

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

OS NOSSOS JOGADORES DERAM LUTA

Ontem o FC Penafiel perdeu no 25 de abril por 0-3 com o Benfica mas só com a expulsão de Tony aos 65 minutos é que o Benfica descansou. O primeiro golo marcado na primeira parte aos 31 minutos, Bura entrou de primeira ao lance e Lima facilmente ultrapassou-o encontrando Talisca que só teve de encostar para a baliza. Quinones que tem sido um homem preponderante lesionou-se no primeiro tempo e foi substituído por M'Bala ao intervalo. Na segunda parte na sequência de uma bola parada Rabiola ainda marcou de cabeça mas encontrava-se ligeiramente em fora de jogo sendo portanto o golo anulado. 
  Aos 65 minutos Tony foi mais uma vez expulso no campeonato, foi a terceira vez em seis jogos uma média difícil de bater... O lateral direito já contava com um amarelo e num lance na defesa do Benfica agarrou desnecessariamente André Almeida. Paulo Baptista apesar de ser um pouco exagerado aplicou a lei.
  Depois da expulsão tudo se tornou mais fácil para o Benfica. Aos 78 Jonas fez o segundo e quase acabar a partida Jardel marcou de cabeça depois da conversão de um canto.
  Apesar do Benfica não ter jogado grande coisa, foi superior ao FC Penafiel e a qualidade veio ao de cima, mas não se notando a diferença de milhões entre as duas equipas.
  Os nossos jogadores estão de parabéns pela luta que deram, mas as lesões e castigados inferiorizaram o plantel e o Penafiel partiu em desvantagem para o jogo.
  O jogo já passou e agora vai-se disputar um jogo importantíssimo em Barcelos com o Gil Vicente, esse sim um jogo que não podemos perder. FORÇA PENAFIEL

Neste jogo o Penafiel alinhou com Coelho, Tony, Ferreira, Bura, Vitor Bruno, Romeu Ribeiro, Rafa, João Martins, Aldair (Dani 66'), Quinones (M'Bala 45') e Rabiola (Guedes, 80'). Suplentes não utilizados: Tiago, Nelson Lenho, Grilo e Bruninho.

domingo, 4 de janeiro de 2015

PENAFIEL 0-3 BENFICA