segunda-feira, 21 de outubro de 2019

E LÁ SE FOI A TAÇA DE PORTUGAL

  Os rubro negros não conseguiram continuar em prova na taça de Portugal sendo eliminados pelo Gil Vicente no 25 de abril por 0-2, com os golos a serem marcados um em casa parte.
  O jogo até começou equilibrado com as duas equipas a chegarem à baliza contrária, mas sempre sem grande perigo para os guarda redes.
  Aos 36 minutos aconteceu o primeiro golo da partida, com Vini a travar um adversário dentro da área e com Artur Soares Dias a marcar grande penalidade. Sandro Lima não desperdiçou e fez o primeiro da partida. Miguel Leal não esperou pelo intervalo, retirou Romeu Ribeiro e colocou Ronaldo Tavares ao lado de Pires. A jogar com dois pontas de lança a equipa não melhorou e o melhor que fez foi um remate de Alan Schons aos 64 minutos à barra, remate que poderia dar o empate e tudo mudar, mas assim não aconteceu.
  Aos 76 minutos o Gil Vicente sentenciou a partida marcando o segundo golo, passividade da defesa penafidelense e alguma sorte num ressalto, Claude Gonçalves bateu Luís Ribeiro.
  Muito tardiamente Miguel Leal fez entrar Alfredo e Márcio aos 84 e 87 minutos, mas o resultado já estava feito.
  Depois da vitórtia tremida com o Mortágua aconteceram três derrotas com equipas da primeira liga em jogos a contar para as taças. Podia ser pior e podia ser bastante melhor, o que conta para a história são três derrotas em jogos que se podia ter dado mais. 
  Nesta eliminatória houveram muitas surpresas na taça de Portugal, mas o FC Penafiel não foi uma das equipas que surpreendeu.
  Resta-nos agora o campeonato. com um jogo da taça da liga pelo meio que não irá contar para as contas...
  O próximo adversário é a Académica de Coimbra, equipa que eliminou o Portimonense, chegando assim a Penafiel motivada por uma boa vitória. 
  É preciso mudar o "chip" e os jogadores penafidelenses juntamente com a equipa técnica trabalharem mais afincadamente para que em campo haja mais raça, não haja tanta passividade na defesa, no meio campo haja ideias de jogo  e na frente de ataque eficácia. 
  Com a Académica é preciso vencer. Força equipa

Jogo no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.
Penafiel - Gil Vicente, 0-2.
Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:
0-1, Sandro Lima, 36 minutos (grande penalidade).
0-2, Claude Gonçalves, 76.

Equipas:
Penafiel: Luís Ribeiro, Pedro Lemos, João Paulo, Vini, Inácio Santos, Romeu Ribeiro (Ronaldo Tavares, 38), Rafa Sousa, Alan Schons (Alfredo, 87), Ludovic, Pires e Yuri Araújo.
(Suplentes: Filipe Ferreira, Felipe Macedo, Paulo Henrique, Ronaldo Tavares, Alfredo e Márcio Santos).
Treinador: Miguel Leal.

Gil Vicente: Denis, Fernando Fonseca, Nogueira, Rúben Fernandes, Henrique, Soares, Kraev (Samuel Lino, 73), Claude Gonçalves, Yves Baraye, Sandro Lima (Zakaria Naidji, 79) e Lourency (Leonardo, 73).
(Suplentes: Bruno Diniz, Alex Pinto, Arthur, Leonardo, Samuel Lino, Zakaria Naidji e Juan Villa).
Treinador: Vítor Oliveira.

Árbitro: Artur Soares Dias (AF Porto).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romeu Ribeiro (04), Nogueira (16), Henrique (22), Vini (35), Baraye (54) e Inácio Santos (90).

Assistência: Cerca de 350 espetadores

terça-feira, 15 de outubro de 2019

CONTAS APROVADAS E SITE OFICIAL APRESENTADO

Ontem na assembleia geral do FC Penafiel os associados tiveram oportunidade no início da assembleia de conhecer as instalações do clube. António Gaspar Dias fez uma visita guiada aos balnearios,  departamento médico e afins. As instalações estão agora renovadas com fotografias e frases de apoio tanto nos balnearios como nos corredores ficando muito bonito.

 Depois na assembleia o novo site do FC Penafiel foi apresentado, estando já operacional, faltando apenas alguns pormenores que ao longo do tempo se irão compor. É um site simples mas de fácil acesso, com todas as informações necessárias para os adeptos, podendo por exemplo fazer-se associado do FC Penafiel pela página. Era um compromisso já antigo desta direção mas que só agora foi executado.

  Quanto às contas relativas à época passada foram aprovadas por unanimidade pelas cerca de duas dezenas de associados presentes. O saldo é positivo com cerca de 15 mil euros, mais 13 mil que no ano passado por exemplo.

  Não há dívidas ao fisco, não há dividas à segurança social nem a fornecedores, coisa rara no futebol português.

  Os assuntos de mais relevo foram estes e a assembleia geral correu de forma pacífica como é seu apanágio. 

  Só de notar que as assembleias gerais têm estado mais concorridas que em anos anteriores, pois lembro me que em muitas assembleias de há 10 anos para cá, muitas das vezes estavam presentes três ou quatro associados. Ontem estiveram num número razoável , mas muito poucos para a grandeza do nosso clube.

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

IANCU VASILICA O HOMEM DO JOGO

O que poderia ser um bonito derbi entre duas equipas vizinhas e uma vitória penafidelense foi uma partida em que um único homem foi o protagonista do encontro. Já não se assistia a uma arbitragem tão vergonhosa no estádio 25 de abril como a que aconteceu ontem. Iancu Vasilica esteve mal de início ao fim e sempre a prejudicar o FC Penafiel. Só não sabemos como foi capaz de expulsar um jogador do Paços de Ferreira... E que não era o único a ser expulso, pois foi preciso treinador Pepa retirar pelo menos dois jogadores da equipa para não serem expulsos, coisa que o árbitro da partida devia ter feito. Faltas e faltinhas sempre a favor da equipa pacense e dois penaltis que enfim... Uma vitória penafidelense deixava tudo em aberto para os rubro negros chegarem ao terceiro jogo com possibilidade de entrar na final four, deixando o Paços sem possibilidades disso, mas Iancu Vasilica assim não quis.
 Falando do jogo, o FC Penafiel defrontava uma equipa de primeira liga, mas isso não se notou em campo, os rubro negros foram superiores apesar das adversidades, muitos lesionados e o exemplo disso é que Romeu Ribeiro teve de jogar a defesa central.
 Mesmo assim os penafidelenses foram os primeiros a marcar na primeira parte através de Yuri, num grande remate de meia distância. Depois do golo aos 17 minutos, a equipa de arbitragem entrou em destaque. Yuri e Ludovic  foram um quebra cabeças  para os pacenses e Alfredo deu que fazer aos centrais adversários. Na segunda parte os jogadores penafidelenses estiveram melhor em campo fazendo perder a cabeça de alguns jogadores do Paços de Ferreira, mas mesmo assim muitos cartões ficaram no bolso do árbitro. Os golos de penalti foram marcados aos 49 e 84 minutos pela equipa adversária, em alturas do jogo em que a equipa de Miguel Leal estava por cima no encontro.
 Foi um resultado injusto, distorcido pelo árbitro da partida, restando apenas dar os parabéns aos nossos jogadores que foram grandes. Terminou assim o sonho de o FC Penafiel ir a uma final four faltando agora apenas um jogo nesta competição apenas para cumprir calendário para as duas equipas, Marítimo e Penafiel.

O Penafiel alinhou com Luís Ribeiro, Pedro Lemos, João Paulo, Felipe Macedo (Romeu Ribeiro), Paulo Henrique, Rafa, Alan Schons (Inácio), Capela, Ludovic, Yuri e Alfredo (Ronaldo Tavares).
Suplentes não utilizados: Filipe Ferreira, Ruster, Márcio e Pires.


quarta-feira, 9 de outubro de 2019

OS PENAFIDELENSES ESTIVERAM PRESENTES, MAS DOMINGO HÁ MAIS

  No jogo com o Braga os penafidelenses estiveram presentes nas bancadas do 25 de abril, criando um grande ambiente no nosso estádio. A  equipa visitante era o Braga e os penafidelenses que estiveram no estádio não estavam divididos e apoiavam o nosso clube com certeza. Domingo no jogo com o Paços de Ferreira esperemos que também apareçam, para criar novamente um bom ambiente. 
  O Paços de Ferreira não se encontra bem no campeonato, está na zona de descida com apenas 4 pontos e poderá ser um adversário bem mais ao nosso alcance que o SC Braga. 
 O apoio vindo das bancadas será obviamente importante e os penafidelenses têm de voltar de dizer sim ao apelo dos jogadores e mister Miguel Leal. 
  Para quem não é sócio do FC Penafiel, convém dizer que a quota mensal é de 7,5€, até aos 12 anos não se paga, e dos 12 aos 18 apenas se paga 1 euro. Que estão à espera os penafidelenses de se fazerem sócios do clube !? É O CLUBE DA NOSSA TERRA

terça-feira, 8 de outubro de 2019

DOIS GOLOS AO ABRIR A PARTIDA DEITOU TUDO A PERDER

  O FC Penafiel perdeu ontem o seu primeiro jogo da fase de grupos da taça da liga, derrota esta no 25 de abril com o SC Braga por 1-3. 
 O jogo começou muito mal para os rubro negros, pois no primeiro minuto os bracarenses marcaram fazendo o 0-1 numa jogada com uma mistura de sorte à mistura, já que Rui fonte aproveitou um ressalto dentro da área.
 O 0-2 aconteceu aos 16 minutos através de Pablo Santos, outro golo dentro da área em que novamente depois de alguns ressaltos e uma defesa permissiva o jogador desferiu um remate potente não dando hipótese a Luís Ribeiro.
  A equipa de Miguel Leal tentou lançar-se no ataque e ainda conseguiu chegar à baliza dos minhotos mas sem grande perigo.
  Na segunda parte o Braga marcou novamente aos 67 minutos num contra ataque bem delineado finalizado por Ricardo Horta. Volvidos 5 minutos Alan Schons reduziu para 1-3. O brasileiro que entrara em campo 10 minutos antes fazia assim gosto ao pé na sua segunda partida oficial pelo FC Penafiel. 
 Miguel Leal na segunda parte ainda colocou Ronaldo e Alfredo mas talvez as substituições foram um pouco tardias. Mas também é preciso, se o Penafiel se lança-se para o ataque, este jogo poderia virar uma goleada, pois Sá Pinto colocou em campo uma equipa cheia de boas individualidades, jogando com os seus principais jogadores.
 1-3 foi o resultado final e ajusta-se devido à diferença de qualidade entre os emblemas. Mesmo assim os jogadores penafidelenses deram tudo por tudo e isso é que interessa, novamente uma palavra para Luís Ribeiro que esteve muito bem na baliza, fazendo defesas brilhantes.
Há que levantar a cabeça, pois jogamos cara a cara com o adversário e lutamos por um resultado positivo.
  O próximo adversário é o Paços de Ferreira já no próximo domingo, jogo também a contar para a taça da liga.

O FC Penafiel alinhou neste jogo com: Luís Ribeiro, Capela, João Paulo, Felipe, Inácio, Romeu Ribeiro, Rafa (Alan 63'), Yuri (Alfredo 89'), Gleison (Ronaldo 69') e Pires.
Suplentes não utilizados: Leo, Leandro, Paulo Henrique e Márcio.

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

É PRECISO DIZER SIM, ESTANDO PRESENTE NO 25 DE ABRIL

  Miguel Leal numa entrevista pediu o apoio dos penafidelenses para o encontro de hoje à noite e as gentes de Penafiel não podem dizer não.
 O adversário é o SC Braga um dos emblemas fortes do nosso país, mas não é por isso que o FC Penafiel deve-se dar como derrotado.
 Temos uma boa equipa e obviamente tudo faremos para vencer o jogo. Estamos a jogar em casa e uma vitória é possível e por isso o técnico penafidelense pediu o apoio aos penafidelenses.
 O jogo está marcado para as 20.15 não havendo desculpa para não estar presente no estádio. É PRECISO APOIAR O CLUBE DA NOSSA TERRA. FORÇA EQUIPA

segunda-feira, 30 de setembro de 2019

A FESTA DA TAÇA

O FC Penafiel venceu ontem o Mortágua por 2-3 no campo da Gandarada e seguiu em frente na taça de Portugal. 
 Não foi um jogo fácil e os rubro negros até estiveram perto de ser eliminados, pois o FC Penafiel só conseguiu o golo do empate aos 92 minutos por João Paulo, forçando o prolongamento.
  Miguel Leal para este jogo colocou um onze de jogadores menos utilizados, colocando em campo apenas dois habituais titulares (Gleison e Romeu Ribeiro.)
  A equipa penafidelense sentiu dificuldades perante uma equipa aguerrida e que sabe jogar à bola, estando muitas vezes melhor que os rubro negros durante a partida. 
  Só a partir dos 75 minutos é que o FC Penafiel começou a tomar por completo conta do jogo, já com Ludovic e Yuri dentro das quatro linhas, jogadores que vieram dar outra alma ao ataque penafidelense. 
 Curiosamente na melhor altura dos penafidelenses aos 85 minutos o Mortágua marcou e pensava-se que o FC Penafiel iria ser eliminado. Mas numa bola parada o "gigante" João Paulo restabeleceu a igualdade levando o jogo para prolongamento.
  No reatamento do jogo numa jogada de Ludovic pela direita Ronaldo fez o 2-1 para os rubro negros num golo de cabeça. 
  Com os jogadores do Mortágua a sentirem dificuldades físicas tudo se tornou mais fácil e o FC Penafiel dilatou a vantagem por intermédio de Pires aos 114 minutos, depois de uma jogada e assistência de Yuri.
  Os jogadores do Mortágua ainda arranjaram forças para marcar um golo a três minutos do fim mas o resultado fixou-se em 2-3 para os penafidelenses.
  Foi preciso suar muito e meter em campo a "artilharia" para levar de vencida esta equipa. Uma palavra para Luís Ribeiro na baliza que esteve muito bem, salvando várias ocasiões de golo, para Ludovic e Yuri que revolucionaram a dinámica da equipa e claro para João Paulo que marcou o golo do empate no tempo regulamentar.
  Foi um verdadeiro jogo de taça, mas que a sorte sorriu teoricamente à equipa mais forte.
  Esperemos pelo próximo adversário e seja ele qual for, é preciso entrar com mais atitude em campo, uma atitude de querer vencer o encontro desde o início da partida.
  A próxima eliminatória está marcada para dia 20 de Outubro, só falta o adversário.

O FC Penafiel alinhou neste jogo com: Luís Ribeiro, Capela, João Paulo, Leandro, Paulo Henrique, Romeu Ribeiro, Alan, Gleison, Márcio, Ruster e Ronaldo. Entraram ainda Yuri, Ludovic, Pires. No prolongamneto ainda entrou também Alfredo.


quarta-feira, 18 de setembro de 2019

CADA VEZ MENOS GENTE NO 25 DE ABRIL

Clica na imagem
  Neste último jogo no 25 de abril  pelos dados da liga estiveram 363 espetadores, número bem abaixo da média dos outros emblemas do segundo escalão. Isto para não falar dos 240 espetadores do penúltimo jogo em casa com o Cova da Piedade.
  Em Penafiel de uma vez por todas não se vive futebol, apenas se vive três clubes de Portugal, sendo que tanto é, que pessoas no jogo perguntaram porque marcaram o Penafiel -Mafra à hora do Portimonense - Porto... Mas os outros clubes seja ele qual for tem que marcar os jogos a pensar nos jogos dos ditos três grandes ??? É esta a mentalidade que temos em Portugal e em Penafiel. Felizmente quem perguntou preferiu ver o FC Penafiel de que qualquer jogo na televisão, mas a maior parte dos penafidelenses não pensa assim... Os penafidelenses e portugueses não têm uma cultura desportiva como no resto da Europa. O que importa aos portugueses é falar de arbitragens e gozar os amigos que são da equipa adversária quando perde, enquanto que no resto da Europa cada pessoa apoia o clube da sua terra, estando sempre os estádios cheios. É por isso que seremos sempre um país pequenino.
  Os rubro negros ocupam o penúltimo lugar na média de espetadores, sendo que o último é o Casa Pia, equipa que nem joga no seu estádio. Mas ainda há dois emblemas que jogam fora do seu campo e têm melhor média que o FC Penafiel, casos de Oliveirense e Vilafranquense. Esta média é tão má que os seis primeiros desta tabela têm 5 e 6 vezes mais espetadores que o FC Penafiel. 
  É preciso fazer muito mais, mas mesmo muito mais para termos pessoas no estádio 25 de abril e acompanhar a equipa nos jogos fora.
  É preciso haver novas ideias para captar adeptos, e é preciso estar mais presente na vida do clube. Todos os penafidelenses têm a sua quota parte de culpa. É PRECISO MAIS DE TODOS.

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

GOLOS DE ROMEU RIBEIRO E YURI DÃO TRÊS PONTOS

  O FC Penafiel venceu mais um jogo em sua casa vencendo desta vez o Mafra por 2-1 sendo que os golos foram apontados por Romeu Ribeiro e Yuri. 
  O primeiro tento aconteceu aos 26 minutos numa boa assistência de Ludovic para Romeu Ribeiro rematar colocado à enrada da área.
 Os rubro negros recuaram um pouco as linhas e o Mafra apoderou-se do meio campo chegando mais vezes á baliza, e aos 44 minutos fez o golo do empate.
  Na segunda parte com Yuri no meio atrás de Pires o FC Penafiel esteve melhor, com o pequeno Yuri a ser talvez o melhor em campo, fazendo melhor essa posição que Gleison.
  Aos 49 minutos Pires teve uma soberana oportunidade de golo, através de uma grande penalidade, mas o guardião do Mafra fez uma excelente defesa. Mesmo com a grande penalidade falhada os jogadores penafidelenses continuaram a trás do golo e aos 54' Yuri fez o 2-1 depois de um grande passe de Pedro Lemos.
  Gleison ainda tentou fazer o 3-1 mas isolado permitiu a defesa de Godinho. No final o Mafra ainda tentou o golo do empate e Areias mesmo antes de acabar a partida ainda mandou a bola ao poste mas felizmente o perigo passou.
  Foi uma díficil e merecida vitória, isto pelo que os jogadores trabalharam e correram.
  Estamos em quarto lugar com 9 pontos, com o primeiro lugar a três pontos de distãncia.

O FC Penafiel alinhou com: Leo, Pedro Lemos,  Vini, Felipe, Inácio, Rafa, Romeu Ribeiro, Ludovic, Gleison, Yuri e Pires. As substituições foram as seguintes: Pires por Ronaldo, Inácio por Paulo Henrique e Yuri por Alfredo.


   
  


quinta-feira, 12 de setembro de 2019

MORTÁGUA NO CAMINHO DO FC PENAFIEL

  Hoje realizou-se o sorteio da segunda eliminatória da taça de Portugal e para jogar com o FC Penafiel foi sorteado um dos emblemas menos cotados da competição, o Mortágua FC, send que o emblema de Viseu irá disputar esta época a divisão de honra da associação de Viseu.
 Na primeira eliminatória o Mortágua eliminou com alguma surpresa o Anadia do campeonato de Portugal por 4-2.
  Claramente o FC Penafiel é superior e é obviamente favorito apesar de jogar fora de casa. A equipa é muito jovem tendo apenas uma média de idades de 22 anos. A partida está agendada para dia 29 deste mês.


quarta-feira, 4 de setembro de 2019

BRAGA, MARÍTIMO E PAÇOS DE FERREIRA SÃO OS ADVERSÁRIOS

O sorteio da taça da liga ditou uma ida à madeira (Marítmo) e dois jogos no 25 de abril (Paços de Ferreira e Braga).
  Curiosamente este ano as equipas do pote 1 (Braga, Porto, Sporting e Benfica) jogarão dois jogos fora de casa, lembrando que nas últimas três épocas todas elas jogarão dois jogos em casa, mas certamente foi coincidência...
  O primeiro jogo acontecerá a 25 de setembro (quarta feira) quando o FC Penafiel receberá o Paços de Ferreira em sua casa. O segundo jogo será com o Braga novamente no 25 de abril a 5 de Outubro e por último o terceiro jogo os rubro negros têm uma deslocação à madeira para defrontar o Marítimo.
  Teoricamente o FC Penafiel é o clube menos cotado mas não será por isso que já perdeu os jogos. Os penafidelenses têm dois jogos em casa nas duas primeiras partidas a efetuar e aí poderão jogar com o fator casa e talvez criar umas surpresas. Que venham os jogos e as vitórias. 

terça-feira, 3 de setembro de 2019

SORTEIO DA TAÇA DA LIGA

O sorteio da taça da liga realiza-se hoje de tarde e daremos aqui a informação do grupo do FC Penafiel. É certo que os rubro negros terão três adversários da primeira liga devido às disposição dos potes como na imagem se demonstra.
  Apenas há três sobreviventes da segunda liga, o FC Penafiel, Covilhã e Casa Pia, os restantes clubes foram eliminados  na segunda fase. O Gil Vicente como na época passada não jogou nas competições profissionais deve estar incluido no quarto pote. Esperemos então pelo grupo do FC Penafiel.

DERROTA INJUSTA

   Na quarta jornada o FC Penafiel perdeu em Chaves por duas bolas a uma num jogo em que o FC Penafiel dominou a maior parte do encontro.
  Fábio Verissimo começou logo aos 13 minutos a ditar o resultado da partida, assinalando uma grande penalidade muito duvidosa a favor do Chaves, penalidade que foi convertida. 
  Depois do golo os jogadores penafidelenses não baixaram os braços e foram atrás do golo. Yuri, Pires e Gleison  estiveram perto de marcar  antes do intervalo mas a sorte não esteve do lado rubro negro.
  Na segunda parte a equipa flaviense apenas foi uma vez à baliza de Leo e marcou através de um remate fora de área, remate este colocado e forte. Volvidos dois minutos o FC Penafiel reduziu para 2-1 através de Ronaldo que entrara em campo aos 60 minutos. 
 A equipa de Miguel Leal ainda tinha 10 minutos para marcar, tentou principalmente pelos corredores onde Ronaldo foi o maior quebra cabeças para defesa contrária. Contudo os penafidelenses atacaram , houveram oportunidades de golo mas não conseguiram o empate.
  Foi pena, pois a equipa esteve bem e não merecia este desfecho. Há que pensar nos próximos jogos, jogos estes que não serão fáceis, Mafra, Nacional, Académica e Feirense, respetivamente por ordem.
  O jogo com o Mafra é só daqui a duas semanas e é preciso vencer para dar moral para os jogos contra adversários que estão a lutar pela subida de divisão.
  
Jogo disputado no Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira, em Chaves.
Desportivo de Chaves - Penafiel, 2-1.
Ao intervalo: 1-0.
Marcadores:
1-0, Wagner, grande penalidade, 14 minutos. 
2-0, Costinha, 82. 
2-1, Ronaldo, 84. 

Equipas:

- Desportivo de Chaves: Igor, Viegas, Hugo Basto, Diego Galo, José Gomes, Gamboa, Costinha, João Teixeira (Guzzo, 60), Fatai, Wagner (João Correia, 77) e Platiny (André Luís, 65).
(Suplentes: Ricardo Moura, Jefferson, Guzzo, André Luís, Jean Felipe, João Correia e João Paredes). 
Treinador: José Mota.

- Penafiel: Leo, Pedro Lemos, Felipe Macedo, Vini, Inácio Santos (Ronaldo, 60), Romeu Ribeiro, Rafa Sousa, Ludovic (Jeferson, 88), Gleison (Márcio, 74), Yuri Araújo e Pires. 
(Suplentes: Luís Ribeiro, Paulo Henrique, Leandro, Ronaldo, Jeferson, João Paulo e Márcio). 
Treinador: Miguel Leal.

Árbitro: Fábio Veríssimo (AF Leiria)
Ação disciplinar: cartão amarelo para Vini (13), Costinha (54) e Guzzo (85).

Assistência: 2.281 espetadores.

domingo, 25 de agosto de 2019

FC PENAFIEL EM SEGUNDO LUGAR DA TABELA CLASSIFICATIVA

Depois de umas pequenas férias cá estamos de volta e com boas notícias...
Com a derrota na primeira jornada o FC Penafiel queria dar uma boa resposta e conseguiu, duas vitórias consecutivas com o Casa Pia e com o Cova da Piedade na partida de ontem.
  Foi um jogo que correu bem aos penafidelenses levando de vencida a equipa da margem sul por 3-0.
  Apesar do resultado o Cova da Piedade no primeiro tempo podia ter feito dois golos que por felicidade as bolas embateram nos ferros. 

  Como quem não marca sofre, volvidos 3 minutos das bolas nos ferros Inácio aos 22' inaugura o marcador através de um livre direto. O pontapé canhão do defesa esquerdo penafidelense não engana sendo já o segundo golo que faz, já que no jogo do Casa Pia o brasileiro tinha feito o gosto ao pé. 
  Aos 25 minutos Ludovic ganha uma grande penalidade e o nosso matador Pires não desperdiçou fazendo o 2-0 resultado que durou até ao intervalo.
  No segundo tempo Pires voltou a marcar aos 65 minutos de grande penalidade depois de uma mão de um jogador do Cova da Piedade dentro da área. Depois do 3-0 o FC Penafiel ainda podia ter marcado nomeadamente por Pires que isolado permitiu a defesa de Batista.
  Foi uma excelente vitória por parte dos nossos jogadores que apesar das bolas ao ferro na baliza de Leo, o FC Penafiel dominou 90% da partida. 

  Agora segue-se o Chaves no próximo domingo equipa que foi vencer nesta jornada a Académica no seu reduto por 1-2.

Jogo disputado no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.
Penafiel - Cova Piedade, 3-0.
Ao intervalo: 2-0.
Marcadores:
1-0, Inácio, 22 minutos.
2-0, Pires, 25 (grande penalidade).
3-0, Pires, 65 (grande penalidade).

Equipas:

- Penafiel: Léo, Pedro Lemos, Felipe Macedo, Vini, Inácio, Romeu Ribeiro, Rafa Sousa, Ludovic (Leandro, 85), Gleison (Ronaldo Tavares, 72), Yuri Araújo e Pires (Paulo Henrique, 79).
(Suplentes: Luís Ribeiro, João Paulo, Paulo Henrique, Jeferson, Leandro, Márcio e Ronaldo Tavares).
Treinador: Miguel Leal.

- Cova da Piedade: Tony Batista, Celso (Gustavo Souza, 61), Allef, Chico Chen (André Carvalhas, 38), Kakuba, Victor Massaia, Sérgio Marakis, Gustavo Costa (Liu, 83), Sami, Edinho e Femi Balogun.
(Suplentes: Márcio Rosa, Yan Victor, André Carvalhas, Rodrigo Martins, Gustavo Souza, Vitinho e Liu).
Treinador: Jorge Casquilha.

Árbitro: Fábio Melo (AF Porto).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pedro Lemos (32), Gustavo Costa (45), Vini (50), Victor Massaia (56), Aleff (67), Romeu Ribeiro (70) e Leandro (87).

Assistência: 240 espetadores.

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

A EFICÁCIA DITOU O RESULTADO

  O FC Penafiel perdeu o seu primeiro jogo oficial desta época e logo na primeira jornada do campeonato, o adversário foi o Ac. de Viseu equipa que os rubro negros tinham batido para a taça da liga.
  O jogo foi bem disputado e sem grandes oportunidades de golo, sendo que no primeiro tempo os viseenses fora mais eficazes na finalização marcando o seu primeiro golo aos 45 minutos na sua única ocasião de golo. Os penafidelenses tiveram duas boas ocasiões através de Gleison e Yuri mas o guardião contrário foi rápido a sair da baliza e anulou os lances de perigo.
  Na segunda parte e aos 55 minutos o Académico marcou o seu segundo golo mais uma vez num lance ocasional.
  Miguel Leal sem armas de ataque no banco, apenas Ronaldo como jogador ofensivo, tentou mudar o rumo dos acontecimentos mas não foi feliz. O FC Penafiel carregou no acelerador, caiu em cima dos viseenses mas não conseguiu marcar. 
  É notório a falta de um organizador de jogo no meio campo que faça o papel de médio ofensivo, que faça passes decisivos e esse homem ainda não chegou ao plantel.
  Mesmo assim apenas foi um jogo menos conseguido dos penafidelenses, mas depois dos primeiros dois jogos oficiais com duas vitórias esperava-se mais. Contudo foi o primeiro jogo e o importante não é como começa mas sim como acaba. FORÇA EQUIPA

Jogo disputado no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.
Penafiel-Ac. Viseu, 0-2
Ao intervalo: 0-1.
Marcadores:

0-1, Bruninho, 45+1 minutos.
0-2, Bruno Loureiro, 55.

Equipas:

Penafiel: Léo, Pedro Coronas, João Paulo, Vini, Paulo Henrique (Inácio, 58), Romeu Ribeiro, Rafa Sousa (Capela, 58), Ludovic (Ronaldo Tavares, 64), Gleison, Yuri Araújo e Pires.
(Suplentes: Luís Ribeiro, Pedro Lemos, Jeferson, Felipe Macedo, Capela, Inácio e Ronaldo Tavares).
Treinador: Miguel Leal.

Ac. Viseu: Ricardo Janota, Tiago Almeida, Pica, Kevin Medina, Jorge Miguel, Diogo Santos (João Oliveira, 76), Kelvin, Fernando Ferreira, Bruninho, Anthony Carter (Latyr Fall, 85) e João Mário (Bruno Loureiro, 23).
Suplentes: Ricardo Fernandes, Mathaus, Lucas, João Oliveira, Edgar Abreu, Bruno Loureiro e Latyr Fall).
Treinador: Rui Borges.

Árbitro: João Malheiro Pinto (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romeu Ribeiro (21), Rafa Sousa (31), Anthony Carter (31), Pica (32), Ricardo Janota (67), Jorge Miguel (75), João Paulo (75), Bruno Loureiro (90) e João Oliveira (90).

Assistência: Cerca de 600 espetadores.