quarta-feira, 5 de junho de 2019

MIGUEL LEAL AO COMANDO E LUDOVIC RENOVOU

  O FC Penafiel já tem treinador para a próxima época, sendo ele Miguel Leal, mister que subiu os rubro negros à primeira liga em 2013-2014. É um treinador que conhece o clube, conhece os adeptos e conhece os dirigentes e nos seus horiontes está uma nova subida de divisão.
 Miguel Leal desde que saiu de Penafiel teve algumas boas prestações na primeira liga como foi caso do Moreirense, em que obteve uma classificação tranquila, um décimo primeiro lugar e um décimo segundo e de notar que na primeira época ficou a 5 pontos da Europa. Depois de duas épocas em Moreira de Cónegos, em 2016 pegou no Boavista com a época já a decorrer em Outubro e conquistou um brilhante 9.º lugar a sete pontos dos lugares europeus. Em 2017-2018 continuou no Bessa mas apenas realizou 6 partidas obtendo uma única vitória e 5 derrotas. 
  Não foi preciso esperar muito e passados 8 dias fazia o seu primeiro jogo por outra equipa, desta vez na segunda liga ao serviço do Arouca. O objetivo era subir de divisão, mas o Arouca ficou-se por um 6.º lugar atrás do FC Penafiel.
   Nesta última época começou em Arouca e as coisas não correm bem, em 5 jogos apenas venceu um (ao FC Penafiel) e foi derrotado por 4 vezes. Foi dispensado e ingressou no Cova da Piedade no início da segunda volta com a equipa em 13.º lugar acabando o campeonato na mesma posição a dois pontos da linha de água.
 Agora está em Penafiel para tentar mais uma vez colocar os penafidelenses na primeira liga. Será com certeza uma época diferente da de 2013-2014 com outros jogadores, e com outras equipas a tentar uma subida de divisão. 
  O plantel para já está curto e apenas Ludovic renovou contrato, excelente notícia, pois o extremo foi um dos melhores jogadores nestas últimas duas épocas. Agora com treinador contratado mais renovações e contratações vão aparecer.

quarta-feira, 22 de maio de 2019

PIRES O MELHOR MARCADOR DA SEGUNDA LIGA

  A idade parece que não passa por ele e no início da época quando chegou a Penafiel alguns que só gostam de criticar até disseram que já era "velho para vir para o Penafiel...
  A direção penafidelense fez um esforço  para obter Pires, pois metade dos clubes da segunda liga queriam o goleador, inclusive o Paços de Ferreira, dito ainda esta semana pelo presidente pacense. Mas Pires preferiu envergar a nossa camisola e nós rubro negros ficamos contentes por isso, pois foi para o clube que mais mostrou querer os seus serviços.
  Não precisava de marcar tantos golos para sabermos que é um grande jogador, um grande profissional e que faz ver os outros.
  Fora isso apenas foi o melhor marcador da segunda liga com 16 golos marcados a par de Fabrício do Famalicão. Embora os dois tenham marcado os mesmos golos, Pires levou o prémio de melhor marcador. 
  Os fatores de desempate estiveram presentes e Pires levou a melhor. O primeiro fator de desempate em caso de igualdade de golos é o número de jogos, fator em que ambos também empataram. O segundo fator de desempate é o número de minutos e nesse aspeto Pires teve sensivelmente menos 300 minutos jogados que Fabrício, e por isso o prémio de melhor marcador foi para o nosso matador Pires. Prémio merecido para um jogador que é a terceira vez que ganha este prémio sendo o único que venceu este galardão por três ocasiões.
  É preciso recuar até à época 2003-2004 para que um jogador penafidelense marcasse tantos golos e neste caso fora Roberto que marcou 20 golos nesse ano, mas não sendo o melhor marcador da competição. 
  Pires entra assim para a história do FC Penafiel, sendo o primeiro a vencer o prémio de melhor marcador da segunda liga pela camisola rubro negra.
  Para a próxima época os penafidelenses penso que em regra geral (fora os críticos) querem ver Pires de novo com a camisola penafidelense e se ficar em Penafiel e se não marcar 16 golos, então que marque 20 pois qualidade não lhe falta.
  
  

segunda-feira, 20 de maio de 2019

A ÉPOCA TERMINOU COM UMA DERROTA

A época terminou e o FC Penafiel perdeu pela terceira vez consecutiva, desta vez com o Leixões no seu próprio terreno. Foi mais um jogo menos conseguido por parte dos penafidelenses principalmente no primeiro tempo. 
  O golo do Leixões aconteceu aos 38 minutos, mas antes o FC Penafiel obteve dois golos anulados por fora de jogo. 
  Na segunda parte os penafidelenses jogaram melhor e foram atrás do resultado e Fábio Abreu teve a melhor oportunidade aos 65 minutos, mas a bola foi ao poste.
  O Leixões em contra ataque criou perigo, mas nunca matou o jogo. As duas equipas lutaram pelo sétimo lugar do campeonato e o Leixões levou a melhor neste último jogo do campeonato.
  A classificação podia ser bem melhor que um oitavo lugar se não fossem estes últimos três encontros que ditou três derrotas. Se em vez de três derrotas fossem três vitórias, o Penafiel tinha ficado num meritório terceiro lugar. Mas assim não aconteceu. Agora à que trabalhar a próxima época para tentar algo mais que um lugar de meio de tabela. 

Jogo no Estádio Municipal 25 de abril, em Penafiel.
Penafiel - Leixões, 0-1.
Ao intervalo: 0-1.
Marcador:
0-1, Camara, 38 minutos. 

- Penafiel: Ivo, Pedro Lemos, João Paulo, Vini, Leandro (Yuri Araújo, 78), Romeu Ribeiro, Ludovic (Kalika, 78), Tiago Ronaldo, Fábio Abreu, Pires e Areias (Caetano, 78). 
(Suplentes: José Costa, Luís Dias, Caetano, Yuri Araújo, Luís Pedro, Kalika e Gustavo).
Treinador: Armando Evangelista.

- Leixões: Luís Ribeiro, Jorge Silva, Pedro Monteiro (Bura, 55), Anthony, Derick, Amine, Pedrinho, Zé Paulo, Camara, Roniel e Evandro Brandão (André Clóvis, 49, Ceitil, 85). 
(Suplentes: Fábio Matos, Bura, Ceitil, Erivaldo, Stephane, Franco e André Clóvis).
Treinador: Jorge Casquilha.

Árbitro: João Bento (AF Santarém).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romeu Ribeiro (62), Jorge Silva (64), João Paulo (80), Pedro Lemos (90) e Luís Ribeiro (90+2). 

Assistência: 609 espetadores.

terça-feira, 14 de maio de 2019

DERROTA JÁ NOS DESCONTOS

  O FC Penafiel saiu derrotado do Fontelo com uma derrota por 2-1 e com o golo do Académico de Viseu acontecer já nos descontos.
  Os penafidelenses foram os primeiros a marcar através de Pires que converteu uma grande penalidade logo no início da partida. A vantagem durou pouco e os viseenses empataram o jogo por Nsor. No resto da primeira parte a equipa de Armando Evangelista apenas jogou em contra ataque dando ao adversário a posse de bola.
   Na segunda parte a toada continuou mas um jogador do Viseu fora expulso aos 58 minutos. O jogo foi um pouco mais dividido, mas com a equipa da casa a ter de vencer para selar a manutenção, fez por isso e marcou o golo da vitória aos 93 minutos.  Foi um jogo fraco por parte dos penafidelenses, que podiam ter sido mais agressivos em campo. 
  Falta um jogo para acabar o campeonato e espera-se uma vitória para acabar bem a época, sendo o mínimo que se pode fazer depois destes dois jogos menos conseguidos por parte do FC Penafiel.
  O jogo será às 16:00 de domingo.

Jogo no Estádio Municipal do Fontelo, em Viseu.
Académico de Viseu - Penafiel, 2-1.
Ao intervalo: 1-1.
Marcadores:
0-1, Pires, 09 minutos.
1-1, Nsor, 15.
2-1, Fernando Ferreira, 90+3.

- Académico de Viseu: Ricardo Janota, Tiago Almeida, André Baumer, Kevin Medina, Nélson Lenho (Lucas Sousa, 60), Diogo Santos, Fernando Ferreira, Paná, Luisinho (Bruno Loureiro, 90+8), João Mário e Nsor (João Victor, 90).
(Suplentes: Elísio, Tomé, Lucas, Barry, Latyr Fall, João Victor e Bruno Loureiro).
Treinador: Rui Borges.

- Penafiel: José Costa, Pedro Lemos, Vini, Luís Pedro, Daniel Martins (Leandro, 46), Tiago Gonçalves, Rafa Sousa (Areias, 89), Ludovic (Yuri Araújo, 81), Gustavo Costa, Fábio Abreu e Pires.
(Suplentes: Ivo, Leandro, Caetano, Yuri Araújo, João Paulo, Areias e Cristian).
Treinador: Armando Evangelista.

Árbitro: António Nobre (AF Leiria).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Leandro (51), Fernando Ferreira (64), João Mário (67), Gustavo (76) e Vini (88). Cartão vermelho direto para Kevin Medina (58).

Assistência: Cerca de 1.000 espetadores.


 

terça-feira, 7 de maio de 2019

MUITA PASSIVIDADE

 O FC Penafiel perdeu este fim de semana com a Oliveirense por 2-4, o mesmo resultado que tinha vencido o Estoril.
  Foi um jogo mau, praticado pela nossa equipa em que aos 55 minutos já estava a perder por três bolas a zero. Só depois dos três golos da Oliveirense os jogadores penafidelenses "acordaram" e tentaram mais uma reviravolta como por exemplo aconteceu em Guimarães. 
  Aos 58 minutos Fábio Abreu fez o primeiro golo penafidelense e aos 68 Romeu Ribeiro de cabeça fez o 2-3. Com mais de 20 minutos para jogar ainda havia tempo para fazer melhor mas a Oliveirense defendeu sempre bem e ainda marcou mais um golo a fechar a partida ficando o resultado em 2-4.
  Não foi um jogo para esquecer mas para lembrar o que de mau se fez para melhorar para estes últimos dois jogos do campeonato. Há que lutar pela  melhor classificação possivel e uma derrota neste último jogo retirou as hipóteses de chegar a um terceiro lugar no campeonato. Os rubro negros na época passada ficaram em 5.º lugar lugar que agora está a 6 pontos de distancia. O Covilhã tem os mesmo pontos que Penafiel e Porto B encontra-se a dois pontos. Por isso à que lutar pelo menos pelo 6.º lugar, lugar honroso devido aos altos orçamentos de outras equipas desta segunda liga.
  O próximo jogo é em Viseu no próximo sábado com outra equipa aflita a tentar fugir dos últimos lugares. 
  Para este jogo o clube irá disponiblizar um autocarro para os adeptos que queiram acompanhar a equipa até Viseu, tendo o preço da viagem e bilhete apenas 5 euros. As marcações da viagem devem ser feitas na sede do clube até sexta fera às 12:00.


Jogo no Estádio Municipal 25 de abril, em Penafiel.
Penafiel - Oliveirense, 2-4.
Ao intervalo: 0-2.
Marcadores:
0-1, Miguel Silva, 26'
0-2, Bouldini, 45'+1
0-3, Paraíba, 55'
1-3, Fábio Abreu, 58'
2-3, Romeu Ribeiro, 68'
2-4, Fati, 90'

Equipas:
- Penafiel: José Costa, Pedro Lemos, João Paulo, Luís Pedro, Daniel Martins, Romeu Ribeiro (Cristian Machado, 68), Tiago Ronaldo, Caetano (Yuri Araújo, 78), Gustavo (Areias, 57), Fábio Abreu e Pires. 
(Suplentes: Ivo, Ludovic, Yuri Araújo, Vini, Rafa Sousa, Areias e Cristian Machado).
Treinador: Armando Evangelista.

- Oliveirense: Coelho, Alemão, Sérgio, Wellington, Ricardo Tavares, Paraíba, Filipe Gonçalves, Miguel Silva (Marcos, 77), Mohamed Boukassi (Manuel Godinho, 79), Fati e Bouldini (Agdon, 61). 
(Suplentes: Kadu, Marcos, Agdon, Sérgio Ribeiro, Oliveira, Manuel Godinho e João Graça).
Treinador: Pedro Miguel.

Árbitro: José Rodrigues (AF Lisboa).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romeu Ribeiro (31), Bouldini (48) e Luís Pedro (70). 

Assistência: Cerca de 350 espetadores.
  
  

terça-feira, 30 de abril de 2019

PIRES PODE ENTRAR NA HISTÓRIA DO FC PENAFIEL

Clica na imagem
  Pires o goleador de serviço do nosso clube tem 15 golos para o campeonato sendo o melhor marcador da liga a par de Fábricio do Famalicão, mas Pires com vantagem devido aos menos minutos jogados e mesmos jogos que o jogador famalicense

  Ao longo destes anos desta competição da segunda liga que começou em 1990 o FC Penafiel nunca teve um melhor marcador do campeonato, obtendo alguns pódios, casos de Moura em 95/96 e 97/98 ficando em ambos anos em 3.º lugar. Depois houveram três jogadores que ficaram em segundo lugar, Paulo Vida com 19 golos em 98-99, Roberto com 20 golos numa época de subida à primeira liga em 03-04 e mais recentemente em 11-12 Manoel com 14 golos também ficou em segundo lugar na tabela de melhores marcadores.

  Na lista de melhores marcadores desta segunda liga o nigeriano Yekini foi quem marcou mais golos numa época, 35 em 92-93, era um jogador possante e que até marcou o primeiro golo da Nigéria num mundial de seleções, infelizmente já falecido.
  Outros vencedores envergaram a camisola dos rubro negros, casos de Paulo Vida, Marcão, Carlos Freitas, Roberto e Pires. Na imagem do topo estão todos os melhores marcadores da segunda liga por época e respetivos melhores marcadores do Fc Penafiel

  Pires que esta época pode entrar para a história do clube como sendo o primeiro penafidelense a ser o melhor marcador desta liga, mas também pode ser o primeiro a conquistar este título pela terceira vez ultrapassando Yekini, Marcão e Joeano que venceram por duas ocasiões. 

  Neste momento o goleador penafidelense conta com 15 golos e já há muito tempo que conquistou os penafidelenses. Algumas pessoas que provavelmente são adeptos de sofá, no ínicio da época criticaram que era velho para vir para o nosso clube mas o tempo veio demonstrar o contrário.
  Pires não só marca golos, como corre muito, desgasta as defesas, tem muita qualidade, tem grande carácter, é humilde e é um grande exemplo para os restantes jogadores. E dizemos mais, se ficar para a próxima época era muito, muito bom para o clube. Pois cá estaremos para o apoiar e gritar aos seus golos. 
  Nesta época todos esperamos que ainda marque mais golos e seja o melhor marcador do campeonato para entrar na história do FC Penafiel, pois bem merece. FORÇA PIRES

  

segunda-feira, 29 de abril de 2019

QUE GRANDES GOLOS...

O FC Penafiel venceu ontem o Estoril por uns expressivos 4-2  com os golos a serem marcados pelos homens da frente e pelo médio atacante Gustavo. 
  O primeiro golo por Caetano, numa obra prima tirando o adversário da frente e com o pé esquerdo a fazer um grande golo, contudo o Estoril volvidos 2 minutos empatou a partida. O segundo golo rubro negro, Fábio Abreu nas alturas não deu hipóteses, superiorizou-se ao adversário no jogo de cabeça e colocou a bola no fundo das redes de Thierry. Os golos aconteceram aos 11 e 44 minutos. 
  O mister Armando Evangelista colocou Gustavo a médio ofensivo e mais uma vez só ajudou a equipa. O médio brasileiro mais uma vez fez a diferença, assim como fez em Guimarães e no jogo com o Varzim. Caetano também voltou à titularidade e como fez Gustavo também não desapontou, como ainda encantou.
  No segundo tempo houveram mais dois golos penafidelenses através de Gustavo, também num bonito golo à entrada da área e o quarto tento penafidelense foi marcado pelo matador da equipa Pires, que continua a ser o melhor marcador do campeonato mas com Fabrício do Famalicão a ter os mesmos golos, mas com mais minutos jogados apesar de os dois pontas de lança terem o mesmo numero de jogos (31).
  Já nos descontos o Estoril fez mais um golo fixando o resultado em 4-2.
  Apesar da pouca assistência no 25 de abril, os espetadores  que lá estiveram saíram satisfeitos, pois viram bom futebol, muitos golos e de qualidade e uma vitória categórica do FC Penafiel.
  O próximo jogo é novamente em casa desta vez com o aflito Oliveirense no próximo sábado.


Jogo no Estádio Municipal 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel -- Estoril Praia, 4-2
Ao intervalo: 2-1.
Marcadores:
1-0, Caetano, 10 minutos.
1-1, Belima, 13.
2-1, Fábio Abreu, 44.
3-1, Gustavo, 53.
4-1, Pires, 78.
4-2, Fábio Abreu, 90+2 (na própria baliza)

Equipas:

- Penafiel: José Costa, Pedro Lemos, João Paulo, Vini, Daniel Martins, Romeu Ribeiro, Tiago Ronaldo (Cristian Machado, 88), Caetano (Ludovic, 73), Gustavo (Rafa Sousa, 80), Fábio Abreu e Pires.
(Suplentes: Ivo, Ludovic, Yuri Araújo, Luís Pedro, Rafa Sousa, Areias e Cristian Machado).
Treinador: Armando Evangelista.

- Estoril Praia: Thierry, João Góis, Miguel Rodrigues, Diakhité, Rafael Furlan, Cícero (Chaby, 73), João Patrão, Yan, Sandro Lima (Dadashov, 66), Belima (Ibra Koneh, 57) e Roberto. 
(Suplentes: César Augusto, Dadashov, Chaby, Gonçalo, Pedro Queirós, Gilson e Ibra Koneh).
Treinador: Bruno Baltazar.

Árbitro: André Narciso (AF Setúbal).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romeu Ribeiro (21) e Yan (23), 

Assistência: cerca de 500 espetadores.

segunda-feira, 15 de abril de 2019

RESUMO DO PENAFIEL 2-0 VARZIM

MAIS QUE JUSTO

 Depois da vitória em Guimarães o FC Penafiel venceu o aflito Varzim por 2-0 numa grande partida dos nossos jogadores, principalmente na primeira parte. O primeiro tempo foi provavelmente o melhor futebol praticado da época, com o meio a campo a funcionar bem, os alas José Gomes e Pedro lemos a subirem bem pelos corredores  e na frente de ataque a qualidade que já sabemos.
  Ambos os golos aconteceram na primeira parte, o primeiro por Luís Pedro, numa sobra de bola no segundo poste e o segundo golo pelo inevitavel Pires que é o melhor marcador da segunda liga com 14 golos.
  Este segundo golo foi iniciado por Pires numa bela jogada e finalizado por ele também, num bom golpe de cabeça.
  Na segunda parte a equipa de Armando Evangelista geriu o resultado, mas até podia dilatar a vantagem, mas os remates nunca tiveram a melhor direção.
  Foi uma boa partida de futebol num jogo em que Armando Evangelista mexeu no meio campo e deu resultado, com Gustavo e sobressair, mas não só, Tiago Ronaldo fez um bom jogo e Romeu Ribeiro fez o que nos habituou, um grande jogo, não dá muito nas vistas mas é o pêndulo da equipa. Uma palavra para José Gomes e Pedro Lemos que estiveram muito bem. Toda a equipa esteve bem e estão todos de parabéns.
  Um sétimo lugar solidificado e agora atrás da melhor classificação possivel. O sexto lugar está a apenas a um ponto e o quinto a sete pontos que é o Estoril Praia, equipa que ainda irá visitar o 25 de abril. Veremos o que fazemos nos próximos jogos. FORÇA EQUIPA

Jogo realizado no Estádio Municipal 25 de abril, em Penafiel. 
Penafiel-Varzim: 2-0.Ao intervalo: 2-0.
Marcadores: 
1-0, Luís Pedro, 19 minutos. 
2-0, Pires, 37.


Equipas: 
Penafiel: José Costa, Pedro Lemos, Luís Pedro, Vini, José Gomes, Romeu Ribeiro, Tiago Ronaldo, Caetano (Ludovic, 87), Gustavo (Vasco Braga, 58), Fábio Abreu e Pires (Areias, 76). 
(Suplentes: Ivo, Ludovic, Yuri Araújo, Rafa Sousa, João Paulo, Areias e Vasco Braga.)
Treinador: Armando Evangelista. 

Varzim: Broetto, Silvério, Nélson Agra, Sandro, Vasco Rocha (Tafsir Chérif, 68), Pavlovski (João Amorim, 68), Estrela, Rui Coentrão, Nelsinho, Júlio Alves (Ricardo Barros, 62) e Rui Pedro.
(Suplentes: Emanuel, João Amorim, Baba Sow, Payne, Ricardo Barros, Jeferson e Tafsir Chérif.)
Treinador: César Peixoto. 

Árbitro: João Pinheiro (AF Braga).
Ação disciplinar: cartão amarelo para Romeu Ribeiro (28), Pires (36), Luís Pedro (44), Nélson Agra (69), Sandro (72), José Costa (74).

Assistência: Cerca de 700 espetadores.

quinta-feira, 11 de abril de 2019

EM QUE LUGAR FICARÁ O FC PENAFIEL ?

Em 28 jornadas, ocupamos agora a sétima posição
  O FC Penafiel encontra-se na sétima posiçao na tabela classificativa. Será uma posição adequada em relação aos orçamentos das outras equipas ? Nós achamos que sim, é preciso ver que o quinto e sexto classificado são duas equipas B e apenas estão quatro equipas  acima do FC Penafiel  excetuando esses dois emblemas. Então num caso de subida estariamos num 5.º lugar. Toda a gente sabe que Paços de Ferreira, Famalicão, Estoril e Académica e Arouca eram os principais clubes candidatos à uma subida de divisão, pelo seu recente historial (muitos anos de 1.ª liga à exceção do Famalicão), e pelos seus orçamentos. 
  O FC Penafiel depois da boa época passada também se assumiu candidato mas obviamente a correr por fora. Contudo podia-se fazer melhor, mas também pode-se dizer que algumas equipas a correr por fora, casos de Viseu, Arouca e Varzim ficaram, pelo caminho e algumas estão em maus lençois.
  Pelo gráfico, vemos que o sexto lugar foi o lugar da tabela classificativa que mais ocupamos, lugar que ainda podemos alcançar se fizermos uma boa reta final de época. Mas afinal com seis jornadas para o final em que lugar ficaremos?

terça-feira, 9 de abril de 2019

53.º JOGO DE SEMPRE A MARCAR 5 OU MAIS GOLOS

O FC Penafiel conseguiu ontem a sua quinquagésima terceira vitória com cinco ou mais golos do seu historial.
  Estas vitórias com uma mão cheia de golos já vêm dos anos 50, onde na distrital e III divisão eram mais regulares, sendo que 37 destas vitórias aconteceram antes de os rubro negros ingressarem na segunda divisão nacional em 1965, e daí nunca mais baixarem de divisão à exceção da época 2008-2009, época que o clube esteve na II-B.
  Apesar de haver mais de 50 vitórias com cinco ou mais golos, à mais de 20 anos que o FC Penafiel não marcava cinco golos para os campeonatos. Não contando com a vitória de ontem a última aconteceu na longinqua época de 1998-1999, uma vitória também fora de casa frente ao União de Lamas por 1-5. Na mesma época uma vitória também por 3-5 em casa do União da Madeira.
   Aliás nos anos 90 houveram muitas goleadas por cinco e mais golos. O FC Penafiel contava com avançados como Paulo Vida, Carlos Freitas e Moura e as goleadas aconteciam frequentemente.
  Só a titulo de curiosidade, a maior goleada do FC Penafiel aconteceu na época 54-55 nos primeiros anos do clube, o adversário foi o Aliados de Lordelo e a vitória foi por 0-12 em Lordelo. A maior goleada já na segunda liga foi de 7-1 sobre o Salgueiros em 73-74 e sobre o Moreirense também com o mesmo resultado de 7-1.
  Voltando à vitória de ontem, esta tem um cariz especial pois os penafidelenses perdiam por 3 golos de diferença e conseguiram virar o resultado. Nunca isto tinha acontecido virar um resultado de três golos de diferença, aconteceu no Afonso Henriques e esta equipa conseguiu-o e ficarão para a história do clube. O futebol é isto, desilusão, emoção, incerteza e desta vez para bem dos penafidelenses foi alegria. Os que estiveram no estádio, os que ouviram o relato com certeza ficaram bastante contentes. Que venham mais vitórias destas e que seja já no próximo domingo. FORÇA PENAFIEL

segunda-feira, 8 de abril de 2019

REVIRAVOLTA ÉPICA

O FC Penafiel venceu hoje o Vitória de Guimarães B por 4-5 depois de estar a perder por 4-1. Foi uma grande reviravolta dos jogadores penafidelenses que sempre acreditaram num resultado positivo.
  O jogo não começou bem para os rubro negros e aos 17 minutos já perdia por duas bolas a zero. A equipa penafidelense não jogava muito bem e o Vitória de Guimarães tinha as melhores oportunidades de golo. Aos 37 minutos um jogador vimaranense é expulso por agressão a Rafa e o FC Penafiel tinha a hipótese de carregar sobre o adversário.  No início da segunda parte pensava se que o Penafiel iria atrás do golo mas foram os minhotos a marcar o terceiro golo. Aos 62 minutos já com as três substituições feitas por Armando Evangelista, com Gustavo, Areias e Caetano que saíram d
o banco o Penafiel começou a remontada. Gustavo mandou uma bomba fora da area e fez o 3-1, logo de seguida o Vitória faz o 4-1 arrefecendo outra vez o ambiente.
Mas o incrível aconteceu nos últimos 15 minutos. Pires marcou aos 75' num bonito golo e volvido um minuto Vinícius fez o 3-4 fazendo voltar o Penafiel ao jogo. Aos 90 houve um auto golo e aos 91 Caetano num belo remate faz o golo da vitória penafidelense, num jogo para mais tarde recordar para quem esteve no Afonso Henriques. Parabéns a todos inclusive, adeptos que estiveram em Guimarães apoiar a equipa. O FC Penafiel ocupa agora um sétimo lugar na tabela classificativa.

O FC Penafiel alinhou com José Costa, Pedro Lemos, Vini, Luís Pedro, José Gomes (Caetano 57') Rafa (Gustavo 45'), Tiago Ronaldo, Vasco Braga, Ludovic, Yuri (Areias 51') e Pires


JOGO NO AFONSO HENRIQUES ÀS 18:00

  Hoje joga-se o último jogo da jornada da segunda liga, com o Vitória de Guimarães B a receber o FC Penafiel no Afonso Henriques às 18:00.
 O jogo foi marcado para o dia de hoje devido à equipa A do Vitória de Guimarães ter jogado no Afonso Henriques no sábado, e para o relvado estar em condições marcou-se o jogo para o dia de hoje. 
  A equipa minhota encontra-se na última posição com 27 pontos e o FC Penafiel apesar do nono lugar encontra-se apenas a 4 pontos dos lugares de descida. Nunca os rubro negros estiveram tão perto destes lugares como agora, apenas vencemos um jogo nos últimos cinco, averbando duas derrotas e dois empates. É certo que uma vitória coloca os penafidelenses no 7.º sétimo lugar, mas uma derrota coloca-nos a 5 pontos do último lugar.
  Este ano está acontecer um campeonato muito atípico com 4 equipas a lutar pela subida de divisão e 11 equipas com apenas 7 pontos a separa-las na classificação. Em termos de comparação para a época passada, a sete jornadas do final do campeonato
os lugares de descida e o sétimo lugar já havia uma difença pontual de 17 pontos...
  Este ano está diferente e há que lutar por todos os pontos.
  Não se antevê um jogo fácil, pois o Vitória B precisa de pontos, mas o FC Penafiel também precisa de uma vitória para fugir de uma vez por todas a estes lugares do fundo da tabela.
  Mais uma vez o apoio fora de portas não será muito devido ao dia e hora do encontro. Mas com certeza lá estarão os suspeitos do costume a levar as cores do clube fora de casa e apoiar o FC Penafiel. FORÇA EQUIPA

quarta-feira, 3 de abril de 2019

TRÊS ANIVERSARIANTES

  Hoje três antigos jogadores penafidelenses celebram o seu aniversário, curiosamente dois deles são homens de Penafiel. Um deles é sem mais nem menos o maior goleador do FC Penafiel em jogos a contar para a primeira e segunda liga. E nos goleadores de sempre apenas está atrás de Silva Pereira.   Nelson conta com 62 golos para os campeonatos sendo o melhor marcador de sempre depois de 1965, ano que o FC Penafiel subiu pela primeira vez à segunda divisão nacional.  Nelson conta com 12 épocas ao serviço do FC Penafiel, envergando pelo meio a camisola do Varzim por dois anos, um deles na primeira divisão. Nelson faz hoje 75 anos de idade e está de parabéns.

 Outro aniversariante é Adão, um dos bons jogadores do futebol português na década de 80, jogando em clubes como o Varzim , Vitória de Guimarães e Belenenses. No FC Penafiel completou 5 épocas onde acabou a carreira em 1994-1995. Era um médio de classe, organizador de jogo, camisola número 10. Hoje completa 59 anos de idade

  Por último Rebelo, homem formado no clube, vestiu a camisola penafidelense nas suas primeiras 5 épocas como sénior e na época 91-92 aquando da descida de divisão dos rubro negros mudou de ares e continuou a sua aventura na primeira divisão, em clubes como o Famalicão, Marítimo, Tirsense e Leça. Jogava a extremo direito ou avançado e a velocidade era o seu forte, hoje completa 50 anos de idade.

Parabéns aos três pelos seus aniversários

terça-feira, 2 de abril de 2019

O PRINCIPAL CANDIDATO NÃO PASSA EM PENAFIEL

  Nesta última jornada o Paços de Ferreira, o principal candidato à subida de divisão visitou Penafiel e o resultado foi um empate a uma bola. O FC Penafiel debateu-se bem com a equipa vizinha e criou várias oportunidades de golo yanto na primeira como na segunda parte.
  Os rubro negros foram os primeiros a marcar pelo inevitável Pires, aproveitando uma bola dentro da área pacense. No último lance do primeiro tempo os castores empataram a partida através de um canto, numa bola que atravessou todos os jogadores penafidelenses sem que nenhum a tirasse a bola fora da área.
 Na segunda parte as duas equipas tentaram vencer o jogo, mas o empate subsistiu até ao fim.
  Foi um bom jogo de futebol entre duas boas equipas.
  O FC Penafiel tem agora pela frente dois adversários que se encontram na zona de descida e é preciso amealhar pontos frente a estas equipas, pois se não podemo-nos colocar em zona de risco. É preciso vencer e não jogar para o empate, pois já se sabe quem joga para o empate arrisca-se a perder. Temos mais qualidade que os próximos adversários e é preciso colocá-la em campo. FORÇA EQUIPA

O FC Penafiel alinhou com José Costa, Pedro Lemos, Vini, Luís Pedro, José Gomes, Romeu Ribeiro, Vasco Braga (Caetano, 83'), Ludovic (Gustavo, 71'), Fábio Abreu e Pires (Areias, 37').
Suplentes não utilizados: Ivo, João Paulo, Rafa e Yuri.

Árbitro: Artur Soares Dias