quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

GALO NA MÃO FUGIU

  Ontem o FC Penafiel despediu-se da taça de portugal perdendo em Barcelos por 2-1 frente ao Gil Vicente. Os golos aconteceram todos na segunda parte com o Penafiel a marcar primeiro por intermédio de Guedes de grande penalidade aos 63 minutos. A equipa de Rui Quinta dominava o jogo mas aos 80 minutos, enquanto os jogadores penafidelenses protestavam a equipa gilista marcou rapidamente a falta e fez o empate. Os últimos 10 minutos o Gil Vicente pouco atacou mas nos descontos Evaldo aos 95 minutos fez o 2-1 final para os barcelenses deixando o FC Penafiel nos quartos de final.
  Pelo que o FC Penafiel fez durante os 90 minutos merecia passar à eliminatória seguinte mas como Rui Quinta disse no final da partida, " só nos podemos queixar de nós". Consentimos os golos gilistas e fomos eliminados. O jogo dura 90 minutos, neste caso até durou 96 e há que ter concentração até ao final da partida, não foi o que aconteceu e mais uma vez o objetivo Taça ficou pelos oitavos de final.

O Penafiel alinhou com: Coelho, Tony, Pedro Ribeiro, Ferreira, Vitor Bruno, Romeu Ribeiro (Bruninho,95'), João Martins, André Fontes, Aldair, Quinones (M'Bala, 78') e Guedes (Rabiola, 86').
Suplentes não utilizados: Tiago, Paulo Grilo, Dani e Nelson Lenho.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

QUARTOS DE FINAL É OBJETIVO

  Amanhã o FC Penafiel desloca -se a Barcelos para defrontar o Gil Vicente em jogo a contar para os oitavos de final da taça de portugal. A equipa penafidelense  está confiante, obteve duas vitórias moralizadoras no campeonato e quer seguir em frente na taça de portugal. Para isso terá que ganhar em Barcelos frente a uma equipa que ainda não ganhou esta época para o campeonato e na taça de portugal ultrapassou o Real no seu reduto com o resultado a ser de 2-1  e na última eliminatória só nas grandes penalidades venceu o Varzim.
  Uma derrota para o Gil Vicente agravará a situação desportiva gilista ao contrário dos penafidelenses que ganharão mais confiança para o campeonato.
  É um jogo de taça e tudo pode acontecer, mas sem dúvida as percentagens estão divididas.
   Rui Quinta reencontrará a outra equipa que já treinou nos campeonatos profissionais como treinador principal, onde não foi muito feliz saindo à 21.ª jornada deixando a equipa no 10.º lugar a 4 pontos dos lugares de descida.
  Para amanhã o técnico penafidelense não convocou Haghighi dando o lugar a Coelho e tem um problema na defesa, pois apenas conta com um defesa central. No site oficial do clube (Facebook) na convocatória apenas Pedro Ribeiro está no lote dos disponíveis, estando João Pedro e Bura lesionados. Curiosamente Henrique não aparece nem nos convocados nem nos lesionados... E havendo falta de centrais para este jogo, no mínimo é uma situação estranha...
 A convocatória é a seguinte: Coelho, Tiago, Dani, Tony, Pedro Ribeiro, Ferreira, Vitor Bruno, Paulo Grilo, Nelson Lenho, Rafa, Romeu Ribeiro, João Martins, André Fontes, Bruninho, M'Bala, Aldair, Quinones, Guedes e Rabiola.
  Os Penaboys acompanharão a equipa mesmo em dia de semana onde apoiarão a equipa como costumam fazer em todos os jogos.
  O preço dos bilhetes será de 5 euros para sócios de ambos os clubes, sendo preciso estar acompanhado do cartão de sócio.
  

domingo, 14 de dezembro de 2014

FC PENAFIEL EM ALTA

   O FC Penafiel conseguiu mais uma vitória na primeira liga, desta vez frente ao Nacional da Madeira, o resultado foi de 2-1.
  Foi a segunda vitória consecutiva que deu direito a sair dos lugares de despromoção atirando o Arouca, Académica e Gil Vicente para trás da equipa penafidelense.
   A equipa de Rui Quinta entrou bem em jogo e tentou tomar conta da partida, o que aconteceu nos primeiros minutos, mas rapidamente o Nacional equilibrou o jogo. Aos 27 minutos João Pedro lesionou-se e Ferreira teve que ocupar o lugar de defesa central. Na primeira parte foi o Nacional que teve as melhores oportunidades de golo mas Haghighi esteve a bom nível e negou sempre o golo aos madeirenses. Aos 41 minutos numa bola parada Quinones fez o 1-0 num bom golpe de cabeça que desfeiteou Gottardi.
  Ao abrir a segunda parte após um canto, Pedro Ribeiro muito bem ganhou nas alturas e assistiu Rabiola que fez o 2-0.
 O Nacional tentou responder mas nunca conseguiu ter grandes oportunidades de golo. Manuel Machado lançou jogadores em campo mas só aos 80 minutos minutos marcou através do sul coreano Suk. Haghighi saiu muito mal dos postes e deixou a baliza escancarada para o avançado madeirense. 
  Nos últimos minutos O Nacional ainda teve uma oportunidade de golo mas o remate saiu por cima da baliza.
  Foi uma vitória importante, a terceira do campeonato para Rui Quinta que deixou os penafidelenses no estádio bastante contentes.
  O jogo que se segue é com a Académica e uma derrota poderá fazer voltar o Penafiel aos lugares de descida. Como o treinador penafidelense afirmou, a equipa não se pode iludir e todos os jogos dar o máximo. A Académica também é um candidato à descida e será importante não perder em Coimbra.

 O Penafiel alinhou neste jogo com Haghighi, Dani, Pedro Ribeiro, João Pedro (André Fontes, 27),  Vitor Bruno, Romeu Ribeiro, Ferreira, João Martins, Quinones, M'Bala (Aldair, 82) e Rabiola (Guedes, 68).
 Suplentes não utilizados: Coelho, Grilo, Nelson e Bruninho.

RESUMO, PENAFIEL 2-1 NACIONAL

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

TODOS AO 25 DE ABRIL

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

RESUMO

ESTAMOS VIVOS

  O FC Penafiel conseguiu uma vitória ontem em Arouca  e está apenas a um ponto de sair dos lugares de descida. O golo foi marcado por Capela aos 13 minutos num remate à meia volta, golo esse que deu três pontos aos penafidelenses.
 Foi um jogo sem grande interesse  e equilibrado até aos 70 minutos.
  O Arouca teve a seu favor muitas bolas paradas criando algum perigo para a baliza de Haghighi, mas os defesa penafidelenses e o guardião iraniano souberam sempre travar as investidas dos jogadores do Arouca. Na segunda parte Vitor Bruno num remate em jeito fora da área atirou a bola à barra sendo a melhor ocasião de golo dos penafidelenses. Aos 70 minutos Tony foi mais uma vez expulso e a partir desse instante previa-se que o FC Penafiel iria sofrer. Foi o que aconteceu até ao final da partida mas verdadeiro perigo e grandes oportunidades de golo nunca houve. Aos 90 minutos Haghighi sofreu uma carga e teve quase a sair de campo devido a lesão, mas aguentou até ao fim.
  Foi uma grande vitória dos nossos jogadores, estão de parabéns pois conseguiram uma vitória importante com uma equipa que também está no lote de equipa que podem descer. Já se sabe que esta vitória não valerá nada se nos próximos jogos não tivermos resultados positivos. Os dois seguintes jogos são igualmente importantes com o Penafiel a receber o Nacional e uma deslocação a Académica. Não nos esqueçamos que ainda estamos abaixo da linha de água e é preciso fazer mais pontos. FORÇA PENAFIEL

 O Penafiel neste jogo alinhou com Haghighi, Tony, Pedro Ribeiro, João Pedro, Vitor Bruno, Capela (Romeu Ribeiro, 66), Ferreira, João Martins (Dani, 70), Quinones (Aldair, 60'), M'Bala e Rabiola. 
Suplentes não utilizados: Coelho, Nelson, André Martins e Guedes

sábado, 6 de dezembro de 2014

RAFA DE FORA


 Rafa não recuperou da lesão e amanhã não irá defrontar o Arouca sendo a principal baixa para este jogo. Bura e Henrique também não viajarão para Arouca estando ainda lesionados. O jogo será às 16:00

 Será um jogo muito importante  e todos esperamos um resultado positivo. Os jogadores não estarão sozinhos e os Penaboys estarão no estádio apoiar a equipa. FORÇA PENAFIEL

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

BATERIAS APONTADAS A AROUCA

   Depois da humilhação no 25 de abril as baterias estão apontadas para Arouca. Rui Quinta já começou a trabalhar a tática para o jogo de domingo, mas com alguns jogadores lesionados casos de Bura, Rafa e Henrique. Estes jogadores não participaram na primeira sessão de trabalho da semana, Bura já algum tempo que se encontra lesionado, Rafa é uma preocupação e é um jogador que ainda poderá jogar em Arouca dependendo da sua recuperação. Henrique que foi convocado no último jogo, mas ficando no banco ressentiu-se da lesão, não se percebendo porquê, não jogou nem treinou, como é que é possivel ressentir-se da lesão?
 Os restantes jogadores estão disponíveis para o jogo, que não é decisivo mas é muito importante para aspirações penafidelenses, pois em caso de vitória do Arouca, o Penafiel ficará a 8 pontos da mesma e o Arouca é uma equipa candidata à descida. Mas com 8 pontos de diferença será muito difícil alcança los. Na segunda liga duas ou três vitórias a classificação muda radicalmente, na primeira liga não é bem assim e uma equipa como o Penafiel será dificil alcançar 3 vitórias consecutivas pois há adversários de gabarito.
  Rui Quinta afirmou que o jogo do Braga não era do nosso campeonato, mas o mister está errado. O Braga é do nosso campeonato. A equipa de Sérgio Conceição por exemplo perdeu em Arouca e empatou na Académica e Moreirense. Essas equipas amealharam pontos e o Penafiel perdeu por 1-6.
Por exemplo o Boavista empatou no Dragão e por isso todos os jogos favoritos ou não temos sempre esperança de pontuar. Na segunda volta a equipa penafidelense irá a Braga, que dirá Rui Quinta aos seus jogadores antes do jogo??  " se perderem não faz mal que o Braga não é do nosso campeonato"????. O discurso tem que mudar e é já para o próximo domingo.
  Estamos a tempo de ficar na primeira liga mas é preciso amealhar pontos e não perder com equipas que também lutam para não descer, caso do Arouca.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

HENRIQUE E BRUNINHO GOZAM COM SITUAÇÃO PENAFIDELENSE

  No final do jogo do Penafiel 1-6 Braga, alguns adeptos penafidelenses foram mostrar o seu descontentamento na porta de saída dos jogadores, não insultando ninguém, dizendo apenas frases como " joguem à bola", " isto não pode continuar assim" e " isto é vergonhoso". Alguns adeptos eram penaboys, outros eram sócios há muitos anos do nosso clube. 
   Alguns jogadores estiveram muito mal, casos de Henrique e Bruninho, que ao saírem  tiveram coragem de olharem para trás e rirem-se de algumas pessoas de idade que mostravam o seu descontentamento. Ora isso é uma falta de respeito para com os nossos adeptos e até com o clube, pois pareceu que  para eles a situação lhes era indiferente. Nota-se que não sentem o clube e só vieram para Penafiel ganhar o seu ordenado, pois numa situação destas nunca se deve gozar com a situação nem com os adeptos e eles o fizeram.  Foram duas contratações falhadas a todos os níveis, não se sabe quem foi o autor destas contratações, mas quem foi, não pensou muito bem no seu historial como jogador, não se precisa de perceber muito de futebol para ver que estes jogadores não iam dar em nada. Henrique em três anos fez 9 jogos no total, sabendo-se que é um jogador cheio de lesões, assinou pelo Olhanense nunca jogou, assinou pela Académica nunca jogou e assinou pelo Braga e nunca jogou. É preciso perceber de futebol para saber que este jogador não ia dar em nada???
 O Bruninho andou sempre nas distritais e II-B e nas últimas duas épocas representou o Vitória de Setúbal equipa pela qual realizou apenas 4 jogos a titular.
 Desportivamente não dão nada ao FC Penafiel e além disso não valem nada como pessoas, pois a atitude que tiveram comprova isso.
  Nem tudo foi mau e alguns jogadores foram "homens" e tiveram coragem de ir ter com os adeptos, esses jogadores foram Rafa, Vitor Bruno, Coelho, Dani, Pedro Ribeiro e João Pedro. Ouviram as críticas, aceitaram-nas e falaram com os adeptos. Ora é nestes momentos que se vê os jogadores que  se preocupam com o clube e com os seus adeptos. Estes jogadores irão ter sempre a admiração dos penafidelenses. Os outros jogadores não se viram e alguns até fugiram, tentando-se esconder dos adeptos. 
 Henrique e Bruninho caso vistam a camisola pelo Penafiel irão ser sempre assobiados e nem um pedido de desculpas alterará essa situação, pois faltas de respeito com os penafidelenses e ainda por cima pessoas de idade não se admite.

  

domingo, 30 de novembro de 2014

VERGONHA, VERGONHA, VERGONHA...

Rui Quinta disse à uma semana que " Já percebemos melhor os terrenos que pisamos". Mas quais esses terrenos? Uma goleada por meia dúzia de golos??? O FC Penafiel vai de mal a pior e esta goleada veio confirmar isso. Já não vale apena o discurso de que tudo vai melhorar, porque não vai acontecer.
 A equipa desde o início foi mal estruturada e mal orientada e contratações em janeiro já virão tarde. Os jogadores contratados no início da época não têm qualidade e a época que estamos a fazer deve-se a isso.
 Ontem aconteceu mais uma desgraça, sofrer 6 golos no 25 de abril não há memória e com este andar corremos sérios riscos de fazer a pior época de sempre.
  O Penafiel nos primeiros 30 minutos até jogou de igual para igual mas depois a eficácia bracarense veio ao de cima. Aos 12 minutos o Braga já se encontrava a ganhar, depois de uma bola ser metida no meio da defesa penafidelense. O Penafiel respondeu com uma grande penalidade a ser convertida por Rabiola. Era um resultado justo até à meia hora de jogo, mas depois o Braga acelerou um pouco e nunca mais se viu o Penafiel. Antes do intervalo o Braga fez o 1-2 de bola parada e foi para o descanso a ganhar. Na segunda parte os golos bracarenses foram aparecendo naturalmente e aos 62 minutos  quando o resultado já estava 1-4 Rui Quinta fez a primeira substituição. A troca de jogadores não deu em nada e o Penafiel ainda sofreu mais dois golos. Mais uma vez as debilidades notaram-se em todos os setores. Na defesa as bolas chegavam aos avançados bracarenses sem oposição, no meio campo não havia criatividade e no ataque não há golos. Assim a tarefa fica complicada e a segunda divisão apesar de ainda estarmos na 11.ª jornada fica cada vez mais perto.
  Os adeptos estão descontentes e as bancadas cada vez mais vazias. E com a vergonha que se passou ontem as coisas tendem em piorar.
 Penafiel alinhou com Haghighi, Dani, Pedro Ribeiro, João Pedro, Vitor Bruno, Romeu Ribeiro (André Fontes 63'), Ferreira, João Martins, Aldair (Guedes 62') M'Bala e Rabiola (Rui Miguel 66'). Suplentes não utilizados: Coelho, Nelson Lenho, Quinones e Capela.

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

PENAFIEL - BRAGA, NÃO FIQUES EM CASA


O FC Penafiel recebe amanhã o SC Braga em jogo a contar para a 11.ª jornada da primeira liga. O historial entre as duas equipas no 25 de abril dá uma clara vantagem à equipa penafidelense. Em 12 encontros a contar para a primeira divisão o Penafiel venceu nove, havendo um empate e apenas duas vitórias para os minhotos. Mesmo na época 2005-2006 em que o Penafiel obteve uma época desastrosa o Braga não foi além de um empate a zero bolas no 25 de abril, sendo a última vez em que os clubes jogaram entre si.
  Historicamente o Braga tem grandes dificuldades em Penafiel e amanhã espera-se tal facto.

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

GIL VICENTE É O ADVERSÁRIO NA TAÇA DE PORTUGAL


  O Gil Vicente foi o clube sorteado para defrontar o FC Penafiel na Taça de Portugal. O jogo está agendado para o dia 17 de dezembro, uma quarta feira. Será um jogo entre as duas equipas que ocupam os dois últimos lugares na primeira divisão. Será um jogo equilibrado tendo o Gil Vicente vantagem porque joga em casa.

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

RESUMO, PENAFIEL 1-0 AVES

domingo, 23 de novembro de 2014

DEVER CUMPRIDO, PENAFIEL NOS OITAVOS

O FC Penafiel venceu hoje o Desportivo das Aves por 1-0 e seguiu em frente na Taça de Portugal. 
  A equipa penafidelense esteve uns furos acima do que é habitual e dominou a partida durante quase toda a partida. O início do jogo os rubro negros entraram fortes e logo aos 5 minutos, Rabiola podia ter inaugurado o marcador mas isolado rematou muito fraco à figura de Quim. Aos 16 minutos depois de um cruzamento de M'Bala e de um mau alívio de um defesa avense João Martins apanhou a bola a jeito e rematou à entrada da área para fazer o 1-0. O Aves tentou responder e através do antigo jogador penafidelense Caballero criou algum perigo para Coelho. Até ao intervalo o jogo em oportunidades esteve repartido.
  Na segunda parte Rafa ficou no balneário por precaução e entrou Romeu Ribeiro, o Penafiel entrou mais forte  e criou algumas situações de golo criadas sempre pelas alas, mas o golo nunca chegou acontecer. Aos 76 minutos um jogador do Aves que entrou na partida aos 66 minutos levou o cartão vermelho devido a uma entrada muito feia sobre Vitor Bruno. A partir daí as coisas ficaram mais facilitadas para a equipa de Rui Quinta, circulou a bola e ainda teve algumas ocasiões de golo, a mais flagrante de Bruninho que entrou para o lugar de João Martins quase acabar o jogo, o remate saiu enrolado e fraco depois de um bom trabalho de M'Bala na esquerda.
  O jogo chegou ao fim e a vitória pertenceu ao Penafiel.  Foi um jogo razoável do dos penafidelenses, mas não esquecendo que jogou com uma equipa fraca que pouco trabalho deu aos jogadores do Penafiel. Contudo é a segunda vitória consecutiva apesar de estas serem com equipas de segunda liga.
  Novamente o FC Penafiel está a fazer uma boa campanha na Taça de Portugal faltado agora saber o adversário nos oitavos de final, o sorteio será esta semana.

O Penafiel alinhou com Coelho, Dani, João Pedro, Pedro Ribeiro, Vitor Bruno, Rafa (Romeu Ribeiro 45'), Ferreira, João Martins ( Bruninho 88'), M'Bala, Aldair e Rabiola (Guedes 67'). 
Não utilizados: Tiago, Tony, Grilo e Rui Miguel.