segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

REVIRAVOLTA DÁ TRÊS PONTOS AO FC PENAFIEL

  O FC Penafiel voltou ontem às vitórias com um 3-2 ao Vitória de Guimarães e subiu ao sexto lugar da tabela classificativa com um jogo a menos que o Famalicão e Estoril, segundo e terceiro classificado.
 A partida com o Vitória de Guimarães B valeu pela segunda parte onde houve emoção e incerteza no resultado.
  A primeira parte foi mal jogada, sem intensidade, sem grandes oportunidades de golo mas com o FC Penafiel adiantar-se no marcador aos 41 minutos. Ludovic fez um bom cruzamento para a área e depois de alguma confusão o central Vini que pareceu em posição irregular fez o primeiro golo da partida.
A segunda parte começou com o golo vitoriano depois de uma perda de bola de Daniel Martins e numa rápida jogada Yakubu cruzou para um golo fácil de Mimito.
  Depois de uma fase de jogo menos conseguida, com o meio campo penafidelense a não pressionar, a não ter criatividade o Vitória de Guimarães B fez o 1-2 decorria o minuto 80. A esta altura já tinham entrado em campo Areias (63') e Caetano (71'). Depois do 1-2 Cristian entrou em campo também e curiosamente os três homens que entraram estiveram nos golos penafidelenses que iriam dar a reviravolta no marcador.
  Areias aos 81 minutos restabelecia o empate numa jogada de insistência com Caetano a rematar, Pires a rematar ao poste e finalmente a bola a sobrar para Areias fazer o empate. Foi um golo que veio trazer justiça ao marcador. O 3-2 final aconteceu quase de seguida numa bela jogada de Fábio Abreu, Cristian e com Daniel Martins a fazer um belo cruzamento para Pires fazer um bom golo de cabeça.     Foi a alegria total dos poucos espetadores que tiveram no 25 de abril.
 Neste jogo, mais uma vez o meio campo não esteve bem, faltando criatividade principalmente a Vasco Braga no que toca a lances ofensivos. Palavras de apreço para Vini que fez o seu primeiro jogo a titular e cumpriu, Pedro Lemos esteve muito bem na ala direita, Ludovic mais uma vez foi um dos homens mais inquietos na frente, Pires lutou muito no ataque e fez um golo e Fábio Abreu na ala também foi um dos melhores, percebendo-se o porquê de Armando Evangelista o colocar a extremo.   É um jogador possante, que ganha bolas de cabeça, que aparece na área e que leva a bola para a frente. Se jogasse ao lado de Pires ou sozinho na frente talvez não estivesse tão jogo e jogando nesta posição, não marca tantos golos, mas ajuda muito a equipa.
  A defesa está bem, falta o meio campo estar uns furos acima para a equipa render mais e marcar mais golos. 
  O FC Penafiel encontra-se agora na sexta posição, mas com muitas equipas atrás dos rubro negros com menos um e dois pontos.
  Os penafidelenses é das equipas que mais pontos amealha em casa, mas é da equipas que menos pontos consegue fora de portas. O próximo adversário é o Varzim, equipa que foi vencer a Arouca, mas que em casa nos últimos 5 jogos apenas venceu uma vez. É preciso aproveitar as debilidades da equipa poveira e arrancar uma vitória fora de portas. FORÇA EQUIPA
  

Jogo no Estádio Municipal 25 de Abril, em Penafiel.
Penafiel - Vitória de Guimarães B, 3-2.
Ao intervalo: 1-0.
Marcadores:
1-0, Vini, 41 minutos. 
1-1, Mimito, 47.
1-2, Gabriel Justino, 80.
2-2, Areias, 81.
3-2, Pires, 84.

Equipas:
Penafiel: José Costa, Pedro Lemos, João Paulo, Vini, Daniel Martins, Romeu Ribeiro (Areias, 63), Tiago Ronaldo (Cristian Machado, 82), Vasco Braga, Ludovic (Caetano, 71), Fábio Abreu e Pires.
(Suplentes: Ivo, Paulo Bessa, Caetano, Márcio Machado, Rafa Sousa, Areias e Cristian Machado).

Treinador: Armando Evangelista.
Vitória de Guimarães B: Dani Figueira, Ouattara, Phete, Edmond Tapsoba, David Sualehe (Jefferson Encada, 65), Al Musrati, João Correia, Rosier, Hélder (Gabriel Justino, 77), Mimito e Aziz (Bence Biró, 84).
(Suplentes: Tiago Martins, Castro, Romani, André, Bence Biró, Gabriel Justino e Jefferson Encada).
Treinador: Alexandre Costa.

Árbitro: Pedro Ramalho (AF Évora).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para David Sualehe (55), João Correia (77) e Cristian Machado (90+2).

Assistência: Cerca de 400 espectadores.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

OS LUGARES DE SUBIDA FICARAM MAIS LONGE

Lance do segundo golo
  Ontem o FC Penafiel perdeu em Paços de Ferreira por 2-0 num jogo em que os golos só aconteceram na segunda parte e com esta derrota os lugares de subida já se encontram a 9 pontos e o primeiro lugar a 10 pontos, mas notando que temos um jogo a menos que todas as equipas que lutam pela subida de divisão.
  Em relação ao jogo de ontem o FC Penafiel conseguiu equilibrar os acontecimentos no primeiro tempo apesar de não haver muitas oportunidades de golo para ambas as equipas.
  No segundo tempo o FC Penafiel entrou melhor e até mandou uma bola à barra através de uma bola parada, mas foi o melhor que conseguiu.
  Aos 57 minutos aconteceu o primeiro golo do jogo, Wagner descaído na esquerda com Pedro Lemos pela frente rematou para o fundo das redes, num lance em que José Costa é mal batido. Volvidos 6 minutos o Paços de Ferreira volta a marcar. O avançado Luiz Phellype cabeceou para a baliza penafidelense com Daniel Martins e Luís Pedro a estarem a meio metro do avançado, mas a nem sequer tentarem estorvar o cabeceamento, ficando estáticos.
  Armando Evangelista já tinha colocado Cristian em campo retirando Caetano, mas depois demorou muito tempo para tentar mudar o rumo dos acontecimentos e apenas aos 76 minutos colocou Areias em campo e Márcio entrou a um minuto do fim...
  O FC Penafiel perdeu, não jogou mal, mas os erros defensivos pagam-se caros e foi o que aconteceu em Paços de Ferreira.
  É preciso mudar algo, principalmente no meio campo, pois as bolas não chegam aos avançados. O FC Penafiel tem o 4.º pior ataque do campeonato apenas com 9 golos e assim é difícil chegar aos lugares da frente não marcando golos.
  O próximo jogo é com o Vitória de Guimarães B, equipa que tem feito bons resultados fora de casa, contando com duas vitórias e um empate e apenas uma derrota.
 Agora à que levantar a cabeça, o campeonato é longo e os pontos perdidos são perfeitamente recuperáveis, mas é preciso mudar algo, pois as coisas não estão a correr como na época passada. FORÇA EQUIPA

Jogo disputado no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira.
Paços de Ferreira-Penafiel, 2-0. 
Ao intervalo: 0-0.
Marcadores:
1-0, Wagner, 57 minutos.
2-0, Luiz Phellype, 63.

Equipas:
- Paços de Ferreira: Ricardo Ribeiro, Bruno Santos, Marco Baixinho, Junior Pius, Bruno Teles, Diaby, Luiz Carlos, Pedrinho (Vasco Rocha, 88), Wagner (Fatai, 83), Luiz Phellype (Douglas Tanque, 85) e Uilton.
(Suplentes: Carlos Henriques, Marcos Valente, Vasco Rocha, Christian, Fatai, Ayongo e Douglas Tanque).
Treinador: Vítor Oliveira.

- Penafiel: José Costa, Pedro Lemos, João Paulo, Luís Pedro, Daniel Martins, Romeu Ribeiro, Tiago Ronaldo (Areias, 76), Ludovic, Vasco Braga (Márcio, 89), Caetano (Cristian, 62) e Pires.
(Suplentes: Ivo Gonçalves, Leandro, Vini, Rafa Sousa, Cristian, Márcio e Areias).
Treinador: Armando Evangelista.

Árbitro: Luís Godinho (AF Évora) .
Ação disciplinar: Cartão amarelo para João Paulo (56), Diaby (73), Ludovic (74), Romeu Ribeiro (79), Luís Pedro (81) e Ricardo Ribeiro (90+1).

Assistência: cerca de 2000 espetadores.